a contrario sensu

O verdadeiro sentido está no seu contrário

Vanessa Schnitzer

As dores da alma

A dor é algo que acontece condicionada com o que se sente e em muitos casos, com o que se vê e se adquire. A dor é um sofrimento que brota da alma e contagia todo o corpo, formado uma crosta interna que se converte numa dor insuportável. A dor, fonte de angustias e de sofrimento, torna-se indispensável ao amadurecimento e o crescimento espiritual, estando na origem na evolução do ser. Apesar de todo o sofrimento inerente à condição humana, a vida vale a pena ser vivida.



"Havia nesse olhar um tanto mais de tristeza que de ironia; era na verdade, um olhar profundo e desesperadamente triste, com o qual traduzia um desespero calado, de certo modo irremediável e definitivo, que já se transformara em hábito e forma" (Herman Hesse)

el_grito.jpg

As dores de alma lesionada imprimem uma dura sentença que perdura pelos anos. Qual a causa? a origem para todos estes males fecundos, que brotam no interior do ser e que gangrenam por todo o corpo, lavrando todas as células e órgãos, e que acabam por enfraquecer o organismo e abater o semblante ?..Um amor mal resolvido? um emprego que se perdeu sem qualquer explicação? um casamento que acabou mal? um amizade que se transforma em traição?

Independentemente do motivo, há sempre uma consequência inevitável que a marca profunda, a cicatriz deixada.As dores da alma não aparecem no jornal; para ser compreendida, tem que ser sentida.

O fenómeno da dor pode ser entendido mediante o exercício de passar a ferro. Um ferro em brasa, que é colocado dentro de água- ferve, borbulha, faz barulho, e nesse preciso instante, não conseguimos perceber qual é a maior dor do ferro- a dor de estar a ser queimado o aquela que é provocada pelo atrito com a água? Desta batalha entre o fogo e a água, quem sai com maiores mazelas é o ferro que não tem culpa nenhuma. Contudo, depois desta dura batalha, o ferro acaba opor passar melhor.

O homem, tal como o ferro tem duas hipótese quando confrontado com esta avalanche impiedosa de dores, mágoas- seguir o caminho da dor, da lamentação e cavando um buraco cada vez maior e afundar-se ou extrair da mais profunda dor a maior das lições e aprendizagens, amadurecendo, fortalecendo o espírito, o carácter, mergulhar em si mesmo e encontrar a chave capaz de transformar o sofrimento em crescimento; as palavras em recordações, amores passados em doces lembranças. Erguer-se e olhar para trás e ver que foi capaz de se levantar depois de uma dura queda para voltar a amar...

A vida vale a pena ser vivida apesar de todas suas dificuldades, tristezas e momentos de dor e angústia. O mais importante que existe sobre a face da terra é a pessoa humana. E surpreender o homem no ato de viver é uma das coisas mais fantásticas que existe. (Érico Veríssimo)


version 1/s/recortes// @obvious //Vanessa Schnitzer