admirável mundo

Assim é, se lhe parece (Luigi Pirandello)

Andréa Romão

Devoradora de livros e filmes. Pianista nas horas vagas e escritora em todas as outras horas disponíveis. Está no Wattpad como @dearomao e no Instagram no @lookdolivro.

Carta aberta aos meus amigos

Uma reflexão sobre amizade em tempos modernos.


Toy-Story-Protagonistas.jpg

Queridos amigos,

A vida não é justa. A vida é uma safada. Ela nos leva por um caminho, nos ilude, nos enche de coisas boas e conquistas, nos deixa gordos e satisfeitos ao ver nossos sonhos se realizando. E quando olhamos para trás nós nos perdemos uns dos outros. É bem verdade que estamos no caminho que escolhemos, mas ainda assim, são estradas solitárias.

A vida é um labirinto que ergue muros entre nós. Às vezes, numa curva ou num desvio conseguimos nos reencontrar, mas parece que o tempo é sempre curto e o primeiro abraço já se transforma no último antes que dê para matar a saudade. Por falar no tempo, está aí outro desgraçado. Ele é um monstro faminto que come nossas horas com tanta ferocidade que elas se transformam em dias, semanas e meses diante dos nossos olhos. E aqueles encontros por acaso na plataforma do metrô sempre terminam com um “Vamos marcar de sair um dia!” que nem sempre é marcado.

Toy-Story-tendrá-nueva-película.jpg

A internet nos ajuda a manter o contato com que está longe, mas ao mesmo tempo ela pode ser uma armadilha e nos afastar de quem está sempre perto. Não acredito muito nessa história de que curtidas e comentários mantém amizades vivas. E às vezes mesmo na presença física de um amigo, parece que temos a necessidade de nos mantermos conectadas com tantos outros. Desperdiçamos esses raros momentos com os olhos grudados naquela tela pequenininha.

Chega um momento em que fazer manutenção de tantas amizades fica impossível e algumas se perdem pelo caminho, outras até permanecem, mas meio descoloridas. O carinho é o mesmo, mas a falta de convívio diário parece que rouba alguma coisa desse nosso relacionamento.

Existem, é claro, aquelas amizades que foram escritas na pedra. Que estão marcadas como tatuagens invisíveis na nossa pele. Essas são as piores. E as melhores. São os super-heróis da amizade. Elas desafiam a distância e o tempo. Superam qualquer mancada ou briga. São mutações genéticas da afeição e ocupam postos eternos e ditatoriais em nossos corações.

São raros e únicos e quem tem uma amizade assim sabe o seu valor. O mundo não anda fácil. Ele nos engole em sua pressa desesperada, querendo girar sempre mais rápido como um cão que persegue o próprio rabo. Mas saber que temos amigos nessa empreitada deixa o universo menos sombrio. Mesmo aquele amigo do outro lado do oceano, com sua presença unicamente virtual, ás vezes parecer ser mais real e palpável que muita gente que está ao nosso redor.

Aos amigos que passaram, os que ficaram e os que estão por vir: vocês fazem o meu dia mais alegre, minha rotina mais leve e minha vida mais feliz.

Da sua amiga.

girl-hug-toy-story-3-woody-Favim.com-200923.jpg


Andréa Romão

Devoradora de livros e filmes. Pianista nas horas vagas e escritora em todas as outras horas disponíveis. Está no Wattpad como @dearomao e no Instagram no @lookdolivro..
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/recortes// //Andréa Romão