alfredo passos.br

Cinema e Literatura

alfredo passos

Alfredo Passos, Prof.Dr. (professor universitário, autor de livros, blogueiro, adora livros, cinema, música e andar a cavalo). Mais sobre autor em http://about.me/alfredopassos

Escritores no cinema

O cinema sempre gostou de mostrar personagens escritores.


Meia-noite em Paris Woody Allen 2011 .png Foto: Paris Filmes

Reais ou na fantasia, os escritores estão nos filmes das mais diferentes maneiras. Seja na edição de um livro, na escrita, leitura ou até quando sofre um bloqueio criativo e não consegue escrever sua peça, caso de William Shakespeare, no filme "Shakespeare Apaixonado".

O Escritor Fantasma, Roman Polanski, 2010

Adam Lang (Pierce Brosnan) é um ex-primeiro ministro britânico que vive em semi-exílio numa ilha do Maine, nos Estados Unidos. Duramente criticado por ter autorizado a prisão e tortura de suspeitos de terrorismo, Lang trabalha em sua autobiografia, pela qual recebeu US$ 10 milhões antes mesmo de começar a escrever. Quando McCrea, velho amigo de Lang e autor do livro, morre, a editora logo contrata um substituto (Ewan McGregor). Ghost writer do livro, ele vai entrevistar o político e concluir o manuscrito já pronto, mas em meio a acusações e suspeitas de que McCrea foi assassinado, o escritor passa a temer por sua própria vida.

Meia-noite em Paris, Woody Allen, 2011

Gil (Owen Wilson) é um roteirista americano que gostaria de ser um grande escritor. Durante uma viagem a Paris com a noiva e a família dela, sai sozinho para alguns passeios noturnos e, quando o relógio bate meia-noite, ele é transportado para a Paris dos anos 1920, onde conhece alguns dos escritores e artistas que inveja: F. Scott Fitzgerald, Gertrude Stein, Ernest Hemingway, Salvador Dali, entre outros.

As Horas, Stephen Daldry, 2002 As Horas Stephen Daldry 2002 .png Foto: Paramount Pictures

É a história sobre como o romance Mrs. Dalloway, de Virginia Woolf, repercute na vida de três mulheres de gerações diferentes que, de um jeito ou de outro, têm de lidar com o tema do suicídio em suas vidas. São elas: Clarissa Vaughan (Maryl Streep), uma americana às voltas com uma recepção para um amigo portador do vírus da Aids; Laura Brown (Julianne Moore), uma grávida, nos anos 1950, com um filho pequeno e um casamento infeliz; e a própria Virgina Woolf (Nicole Kidman), que, nos anos 1920, enfrenta uma depressão enquanto tenta terminar seu romance.

Providence, Alain Resnais, 1977

Obra-prima do diretor, filme retrata um escritor Clive Langham (John Gielgud) que, prestes a perder a batalha para um câncer, reúne seus familiares enquanto luta, também, para terminar seu derradeiro romance. unir seus familiares enquanto luta para finalizar seu último romance. Vemos no filme a evolução da estrutura literária desse romance, em que Clive usa como modelo sua família, transformando de modo perverso a personalidade dos filhos.

Shakespeare Apaixonado, John Madden, 1999

O jovem astro do teatro londrino William Shakespeare (Joseph Fiennes) sofre de bloqueio criativo e não consegue escrever sua peça. Um dia, ele conhece Viola De Lesseps (Gwyneth Paltrow), uma jovem que sonha em atuar, algo proibitivo no final do século XVI. Para burlar o preconceito e ter sua chance, Viola se disfarça de homem e começa a ensaiar o texto de Will, que começou a fluir e passou a dar vazão ao amor entre os dois. O que eles não contavam era com o casamento arranjado pela família entre Viola e Lorde Wessex (Colin Firth).

Capote, Bennett Miller, 2006 Capote Bennett Miller 2006.jpg Foto: Sony

Em novembro de 1959, Truman Capote (Philip Seymour Hoffman) lê um artigo sobre o assassinato de quatro integrantes de uma conhecida família de fazendeiros no Kansas. O assunto chama sua atenção já que ele acredita ser esta a oportunidade perfeita de provar que, nas mãos do escritor certo, histórias de não ficção podem ser tão emocionantes quanto as de ficção. Acompanhado pela escritora Harper Lee (Catherine Keener), sua amiga de infância, ele viaja até lá e surpreende a sociedade local com sua voz infantil, seus maneirismos femininos e roupas não convencionais.

As Palavras Brian Klugman, Lee Sternthal, 2012

Rory Jansen (Bradley Cooper) trabalha em uma editora de livros. Ele sonha em publicar seu próprio livro, mas a cada nova tentativa se convence mais de que não é capaz de escrever algo realmente bom. Um dia, em uma pequena loja de antiguidades, ele encontra uma pasta com várias folhas amareladas. Rory começa a ler e logo não consegue tirar a história da cabeça. Logo ele resolve transcrevê-la para o computador, palavra por palavra, e a apresenta como se fosse seu livro. O texto é publicado e Rory se torna um sucesso de vendas. Mas tudo muda quando ele conhece um senhor (Jeremy Irons) que lhe conta a verdade por trás do texto encontrado.

Minhas Tardes com Margueritte, Jean Becker, 2010

Baseado no livro de Marie-Sabine, o livro retrata um encontro improvável entre Germain (Gérard Depardieu), um cinquentão quase analfabeto, e Margueritte (Gisèle Casadesus), uma senhora apaixonada por livros. Ele senta ao lado dela no parque e ela recita versos em voz alta, dando a ele a chance de descobrir a magia dos livros, que nunca fizeram parte da vida dele. Mas ela está perdendo a visão.

Encontrando Forrester, Gus Van Sant, 2000

Jamal Wallace (Robert Brown) é um adolescente que ganha uma bolsa de estudos em uma escola de elite de Manhattan pelo seu desempenho nos testes e na quadra de basquete. Após uma aposta com seus amigos, ele conhece ele conhece William Forrester (Sean Connery), um talentoso e recluso escritor com quem desenvolve uma profunda amizade. Percebendo talento para a escrita em Jamal, Forrester procura incentivá-lo para seguir este caminho.

Louca Obsessão, Rob Reiner, 1990

O famoso escritor Paul Sheldon (James Caan) sofre um acidente de carro e é socorrido pela enfermeira Annie (Kathy Bates), que afirma ser sua fã número um. Ela o leva para sua isolada casa e cuida de sua saúde, mas um dia acaba tendo acesso aos originais do próximo livro do escritor e descobre que sua personagem predileta será morta. Essa revelação faz com que sua personalidade doentia se revele e Sheldon se vê à mercê das loucuras da admiradora.

Mais Estranho Que a Ficção, Marc Forster, 2007

Certa manhã Harold Crick (Will Ferrell), um funcionário da Receita Federal, passa a ouvir seus pensamentos como se fossem narrados por uma voz feminina. A voz narra não apenas suas ideias, mas também seus sentimentos e atos com grande precisão. Apenas Harold consegue ouvir esta voz. O incômodo aumenta ainda mais quando descobre pela voz que está prestes a morrer, o que o faz desesperadamente tentar descobrir quem está falando em sua cabeça e como impedir sua própria morte.

A Garota do Livro, Marya Cohn, 2016 A Garota do Livro Marya Cohn 2016.jpg Foto: Playarte

Alice Harvey (Emily VanCamp), de 28 anos, é assistente editorial, mas sonha em ser escritora. Filha de um poderoso agente literário de Nova York, ela vai ser obrigada a enfrentar dolorosos acontecimentos de seu passado ao ser convidada para trabalhar no lançamento de um livro de Milan Daneker (Michael Nyqvist), um antigo cliente de seu pai que se aproximou dela no início da adolescência dela com a desculpa de orientar seus escritos e que deixou marcas profundas e traumáticas na garota.

Os Irmãos Grimm, Terry Gilliam, 2005

Wilhelm (Matt Damon) e Jacob (Heath Ledger) são dois irmãos famosos pelos seus contos de fada, recheados de personagens mágicos. Eles percorrem a Europa comandada por Napoleão Bonaparte enfrentando monstros e demônios falsos em troca de dinheiro rápido. Porém, quando as autoridades francesas descobrem o plano deles, os coloca para enfrentar uma maldição real em uma floresta encantada, na qual jovens donzelas desaparecem misteriosamente.

Miss Potter, Chris Noonan, 2006

A britânica Beatrix Potter (Renée Zellweger) se tornou um verdadeiro fenômeno da literatura no início do século 20 ao XX ao criar um dos personagens mais queridos da literatura infantil, 'Peter Rabbit'. O filme conta sua história e as dificuldades do início da carreira.

Em Busca da Terra do Nunca, Marc Forster, 2004 Em Busca da Terra do Nunca Marc Forster 2004.jpg Foto: Lumière

J.M. Barrie (Johnny Depp) é um bem-sucedido autor de peças teatrais, que, apesar da fama, enfrenta problemas com seu trabalho mais recente, que não foi bem recebido pelo público. Barrie reencontra a inspiração ao fazer sua caminhada diária pelos jardins Kensington, em Londres. É lá que ele conhece a família Davies, formada pela viúva Sylvia (Kate Winslet) e seus quatro filhos. Da convivência com as crianças, o escritor cria seu personagem de maior sucesso: Peter Pan. Fonte: O Estado de S.Paulo, 30/05/2017


version 4/s/cinema// //alfredo passos
Site Meter