amarse

A vida é mesmo uma coisa efêmera

Ana Karoline

Estudante de psicologia , aos 21 anos tive a minha primeira publicação em jornal. Apaixonada pelo comportamento humano e fascinada por neurociência. Sonhadora, desbravadora e as vezes exagerada. Ridiculamente bem humorada, e amante da vida e de pessoas resilientes.

Permita-se

Permita- se enxergar além, brilhe, acredite, torne sonhos inatingíveis, atingíveis, livre-se dos preconceitos, seja a sua melhor versão.


menina-vento.jpg

- Permita-se acordar e não fazer nada, entre na caixa do nada, e desligue-se por um momento.

- Permita-se chorar por aquilo que não deu certo, por uma história mal resolvida, não engula o choro, isso machuca a alma e necrosa o coração.

- Permita-se perdoar alguém que não soube lhe amar, valorizar seus carinhos, que não te deu o que de fato merecia.

- Permita-se cuidar de si mesmo, sua imagem, aperfeiçoe-se, procure aquilo que te torne uma pessoa melhor.

que-amor-e-esse-do-qual-tanto-se-fala.html.jpg

-Permita-se andar por aí, sem se importar com a hora de voltar, abrace alguém, quebre resistências, crie uma nova meta, ligue pra alguém que não espera sua ligação. Surpreenda, doe sem esperar nada em troca, saia da rotina, seja você mesma, desista de agradar pra ser aceito.

-Permita- se enxergar além, brilhe, acredite, torne sonhos inatingíveis, atingíveis, livre-se dos preconceitos, seja a sua melhor versão.

- Permita-se a errar, mas aprenda com seus erros, os erros quando encarado com responsabilidade consequentemente nos transformam em pessoas maduras, melhores e mais fortes.

- -Permita-se então a se permitir, e viva como se hoje fosse o último dia, até porque o presente é o que temos por afirmação, o amanha ainda é uma indagação.


Ana Karoline

Estudante de psicologia , aos 21 anos tive a minha primeira publicação em jornal. Apaixonada pelo comportamento humano e fascinada por neurociência. Sonhadora, desbravadora e as vezes exagerada. Ridiculamente bem humorada, e amante da vida e de pessoas resilientes. .
Saiba como escrever na obvious.
version 3/s/recortes// //Ana Karoline