ana gabriela rebelo

Crônicas, cartas e bilhetes no papel de pão

Ana Gabriela Rebelo

Crônicas, cartas e bilhetes no papel de pão...
Ana Gabriela Rebelo
[email protected] e @Ana.Cravo.Ana.Canela ;))

Gin com limão e gelo_ O homem que caiu na terra

Sete bilhões de televisores no mundo, muitas roupas passadas, pessoas velhas e novas que não carregam de fato nenhuma diferença entre si, que não as rugas e os fios de cabelos brancos. O tempo é consumido como sequência de coitos, fetiches e natais.


bowie.jpg

Um homem cai do céu e bebe água. Um homem cai do céu vindo de outro planeta, cujo nome desconhecemos, para beber água. Seu tempo aqui é curto, uma mulher das estrelas e duas crianças aguardam seu retorno. O homem enriquece vendendo imagens que ninguém vê. Sete bilhões de televisores no mundo, muitas roupas passadas, pessoas velhas e novas que não carregam de fato nenhuma diferença entre si, que não as rugas e os fios de cabelos brancos. O tempo é consumido como sequência de coitos, fetiches e natais.

O homem que caiu na Terra constrói uma nave para voltar ao seu planeta. A mulher que vive na terra pinta os cabelos. A mulher que vive na terra bebe e pinta os cabelos; sofre por amor de telenovelas e sonha com uma vida minimamente ordinária onde caiba alguém extravagante que lhe venha ao resgate em pequenas doses de sensualidade calculada. O homem das estrelas não faz aniversários e não come biscoitos. Ele diz que se não voltar para o seu planeta, morrerá. A mulher quer cuidar dele com biscoitos e mágoas. O homem das estrelas não sente mágoas, constrói uma nave para voltar ao céu e não volta, permanece viajante. Talvez por ter esquecido o caminho de volta para casa, ou por não saber mais viver sem ser ‘o viajante’, ou talvez por ter trocado a água por gin com limão e gelo.


Ana Gabriela Rebelo

Crônicas, cartas e bilhetes no papel de pão... Ana Gabriela Rebelo [email protected] e @Ana.Cravo.Ana.Canela ;)).
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/cinema// //Ana Gabriela Rebelo