Friedensreich Hundertwasser, o arquitecto


As posições ambientalistas de Hundertwasser levaram-no a formular o Manifesto da Terra, onde se insurgiu contra a monotonia da arquitectura funcionalista e as suas "paredes com buracos". Proclamou os "direitos das janelas individuais" e os "benefícios das vacas a pastar em telhados plantados"... Afirmou que a arquitectura projectada actualmente não pode ser considerada arte pois é feita por pessoas desenraizadas que só sabem trabalhar com réguas. "A arquitectura termina quando o proprietário recebe a sua casa nova quando era aí que devia começar", disse.

Decidiu então pôr as suas ideias arquitectónicas em prática e desde essa altura realizou uma obra construída numerosa na Áustria e em várias partes do mundo: museus, escolas, igrejas, etc. Hoje em dia é difícil recordar o escândalo provocado pelos seus primeiros projectos. Os seus edifícios denotam uma forte influência da Arte Nova e, em especial, de Antoni Gaudi e são não apenas polémicos como também surpreendentes, como Gaudi também o foi...

050913_hundertwasser_4.jpg

050913_hundertwasser_5.JPG

050913_hundertwasser_6.jpg

050913_hundertwasser_7.jpg


version 1/s/arquitetura// //seven