João Pistolão


 BD Pistolao Soupolet Uderzo Goscinny

Acabei de comprar um álbum de BD chamado João Pistolão, corsário prodigioso (Pistolin, no original). Para quem não conhecer este álbum começarei por dizer que se trata de uma obra incontornável e foi produzida no início de carreira de dois jovens autores: Albert Uderzo e René Goscinny... O desenho é ainda indefinido, entre o académico e o humorista, como o próprio Uderzo reconhece, mas já se notava o tom inconfundível do génio de Goscinny no desenrolar da história e nos gags.

Feitas as apresentações é necessário dizer que se estava no ano de 1952. Astérix surgiu em 1959, precedido em 1958 por três histórias da série Humpá-pá, o pele-vermelha. Após uma primeira e tímida aparição num semanário belga, Pistolin passou a ser publicado num periódico publicitário com o mesmo nome e, para evitar confusões, o herói mudou o nome para Jehan Soupolet. Mais tarde, em 1960, a revista Pilote retomou a sua publicação. Apenas foram desenhadas 5 histórias da série.

É a primeira dessas histórias que a editora Asa lançou agora no mercado, tendo já agendada a publicação das restantes quatro. Esta editora está a fazer um excelente trabalho no âmbito da divulgação da BD com edições de boa qualidade de alguns clássicos. Esperemos que continue neste rumo e não comece a deixar colecções incompletas como tem sido hábito de outras editoras de BD no nosso país. Confesso até que tenho receio de começar novas colecções...

 BD Pistolao Soupolet Uderzo Goscinny  BD Pistolao Soupolet Uderzo Goscinny  BD Pistolao Soupolet Uderzo Goscinny


deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do autor do artigo sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
version 2/s/bd / hq// @obvious, @obvioushp //seven