YouTube para documentos - Scribd


 YouTube Partilha Documentos Scribd Web 2.0 O Scridb é um serviço muito similar ao YouTube, que permite fazer upload de conteúdos e, posteriormente, disponibiliza-los a quem entendermos através de uma interface simples, compatível com qualquer browser web. A diferença reside, simplesmente, no tipo de ficheiros que podemos lá colocar, estando vocacionado para documentos típicos do desktop (MS Word, MS Exel, Powerpoint, PDF, Texto e outros). A interface é muito intuitiva e de bom gosto, para além da funcionalidade que é de facto diferenciadora.

Tal como no YouTube, não é necessário possuir nenhuma destas aplicações instaladas, podendo o documento em questão ser visualizado através do browser, de uma forma ridiculamente cómoda e simples. Para além da partilha, o Scribd pemite que os documentos lá colocados possam ser privados, permitindo-nos no entanto continuar a partilha-los com um grupo restrito de amigos através de um URL com uma password. Nada de tremendamente robusto mas, dentro do âmbito do que se pretende, é eficaz e suficiente.

Quanto ao aspecto gráfico, em jeito de nota final, considero-o de bom gosto e intuitivo, permitindo ao utilizador retirar proveito do serviço muito rapidamente sem se perder na complexidade tecnológica que plataformas do género podem alcançar. Outro aspectos que chamou a atenção, que para mim utilizador é importante, prende-se com a possibilidade de visualizar estatísticas detalhadas do documento que estou a partilhar. Para além das Pageviews ou Visualizações do documento, tenho também acesso a um Mapa de Utilizadores, Visitantes únicos, um Log dos visitantes, Referers e Motores de Pesquisa. Podemos ainda fazer download de toda essa informação em formato CSV para tratamento posterior.

Se o objectivo é guardarmos aqueles documentos de leitura casual, com ou sem humor, que vulgarmente temos enterrados e perdidos no nosso disco, o Scribd está à altura da tarefa.


obvious magazine

There are those that look at things the way they are, and ask why? I dream of things that never were, and ask why not?
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/tecnologia// @obvious, @obvioushp //obvious magazine