Luz - um bem quase universal


 Luz Portatil Energia Solar Aproveitamento Paises Pobres oportunidade inovacao  Blog.Uncovering.Org Portable Light Project Readmat2

Os habitantes das grandes metrópoles urbanas da actualidade, possuem benefícios e facilidades extraordinárias que eram impensáveis há apenas algumas décadas. No entanto, a actual facilidade de utilização e acesso a benefícios sociais e tecnológicos, veio também contribuir para que desvalorizemos necessidades básicas que damos como garantidas no nosso dia a dia. Apesar de para nós ser completamente impensável, por exemplo, não ter energia eléctrica, pois ela é um dos pilares básicos da sociedade dos nossos dias, para muitas culturas não passa ainda de um sonho possuir algo tão básico e banal.

The Portable Light Project pretende proporcionar a pequenas comunidades isoladas o acesso barato a um bem essencial que, mesmo em pequena quantidade pode proporcionar novas oportunidades educativas e melhorar substancialmente o índice de alfabetização de algumas culturas, ao mesmo tempo que permite também poupanças complementares com outros gastos energéticos. Para se implementar algo desta magnitude não precisamos de grandes avanços tecnológicos, ou esperar que o actual mercado amadureça um pouco mais, somente temos que inovar e abordar o problema por outro prisma.

 Luz Portatil Energia Solar Aproveitamento Paises Pobres oportunidade inovacao  Blog.Uncovering.Org Portable Light Project Portablelight

O protótipo deste projecto é extremamente leve, dobrável e integra um conjunto de células fotovoltaicas com LEDs de alto desempenho. Para uma autonomia de cerca de duas horas e 160 lumens, precisa somente de 4h de sol para ficar totalmente recarregado. Como está integrado numa espécie de tecido, pode ser adaptado a uma peça de vestuário adaptando-se muito bem, inclusive, a quem pratique algum tipo de actividade de montanha.

The Portable Ligh Project


obvious magazine

There are those that look at things the way they are, and ask why? I dream of things that never were, and ask why not?
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do autor do artigo sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
version 1/s/tecnologia// @obvious, @obvioushp //obvious magazine