Automóveis futuristas do passado: General Motors


 Automoveis Carros Design Futurismo Futuro General Motors Firebird

As novas linhas de design automóvel iniciadas pela Ford não deixaram a concorrência indiferente. Foi o caso da General Motors que respondeu de imediato criando o Firebird. Este automóvel foi verdadeiramente inovador e assumidamente inspirado na aeronáutica e na conquista espacial. Ao contrário de muitas propostas da Ford, que não passaram de desenhos, saltou da prancheta para a realidade, sendo mesmo construídos vários protótipos.

O primeiro protótipo a ser concretizado foi o Firebird I, em 1954. As semelhanças com um avião são por demais evidentes e deliberadas mas o desenho é demasiado primário. Além do mais tinha um uso limitado: um único lugar exíguo, falta de espaço para bagagens, etc. - não era ainda um automóvel.

 Automoveis Carros Design Futurismo Futuro General Motors Firebird

 Automoveis Carros Design Futurismo Futuro General Motors Firebird A evolução do conceito levou ao Firebird II, talvez o mais interessante da série e - este sim - um verdadeiro automóvel familiar. As inovações foram mais que muitas. O veículo era movido por uma potente turbina a gás e controlado por um joystick tal como um avião. Dispunha ainda de sensores de direcção, radar e câmara de filmar para o retrovisor. Recorde-se que estávamos apenas em 1956...

 Automoveis Carros Design Futurismo Futuro General Motors Firebird

 Automoveis Carros Design Futurismo Futuro General Motors Firebird Dois anos depois surgia a terceira evolução, o Firebird III, menos interessante a todos os níveis queo seu antecessor. Foi a última versão deste fabuloso carro. Depois desta incursão pelo futurismo a GM virou-se para veículos mais convencionais.


deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do autor do artigo sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
version 1/s/motores// @obvious, @obvioushp //seven