Publicidade ao tabaco



 Publicidade Anuncios Tabaco Cigarros Fumar Brasil  Publicidade Anuncios Tabaco Cigarros Fumar Brasil

Parece que já foi há muito tempo que se podia ver publicidade ao tabaco por todo o lado. Nas revistas e jornais ocupavam páginas inteiras com anúncios coloridos; na televisão criativos comerciais surgiam nos intervalos dos filmes a lembrar que estava na altura de puxar rapidamente por um cigarrinho (na altura os intervalos ainda eram curtos); até o desporto e o tabaco não eram incompatíveis e, por exemplo, alguns dos mais espectaculares automóveis de corrida ostentaram as cores JPS, Marlboro, Gitanes, Silk Cut, West ou Rothmans...

A verdade é que o tabaco sempre procurou transmitir uma imagem de sofisticação que resultava invariavelmente num aspecto gráfico cuidado e apelativo, a começar pelas embalagens, assunto de que já falámos aqui. Assim, seria natural que essa imagem se projectasse também na publicidade. Comecemos por dois clássicos: Marlboro e Carlton.

 Publicidade Anuncios Tabaco Cigarros Fumar Brasil  Publicidade Anuncios Tabaco Cigarros Fumar Brasil  Publicidade Anuncios Tabaco Cigarros Fumar Brasil  Publicidade Anuncios Tabaco Cigarros Fumar Brasil  Publicidade Anuncios Tabaco Cigarros Fumar Brasil  Publicidade Anuncios Tabaco Cigarros Fumar Brasil

Estes dois últimos anúncios são os mais interessantes quanto a mim; o primeiro por se tratar do elegante John Player Special - um dos maiores casos de sucesso publicitário graças à associação com a mítica equipa Lotus na Fórmula 1; o segundo por ter por fundo o tristemente célebre World Trade Center. Ambos símbolos maiores de uma época extinta...

seven

Co-fundador e ex-colaborador do obvious, actualmente retirado, foi responsável durante bastante tempo pela definição da linha editorial. Concebeu e coordenou a transição do blog para o formato de magazine.
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do obvious sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
x1
 
Site Meter