rabo de lagartixa


 Musica MPB Rabo Lagartixa Choro Brasil

Falar hoje de choro é também falar dos seus muitos e bons intérpretes que deram, desde a década de oitenta, um novo alento a esta forma de expressão musical, formando uma nova geração de chorões da qual sairam grupos tão inovadores quanto interessantes como este "Rabo de Lagartixa".

Com um nome sui generis o grupo "Rabo de Lagartixa" foi constituido em 1993 com base numa formação instrumental peculiar que integra Daniela Spielman (sax soprano e alto), Alessandro Valente (cavaquinho), Jayme Vignoli (cavaquinho), Marcello Gonçalves (violão de sete cordas) Alexandre Brasil (contrabaixo acústico e eléctrico) e Beto Cazes (percussão), o "Rabo de Lagartixa" expande as fronteiras do choro em diversas direcções. De repente, a música nordestina, a bossa nova instrumental dos anos 60, o experimentalismo, o samba rasgado e a música pop, não parecem mais tão distantes umas das outras, amalgamadas que são pelo sotaque do grupo.

 Musica MPB Rabo Lagartixa Choro Brasil

 Musica MPB Rabo Lagartixa Choro Brasil

O disco de estreia, de 1998, "Rabo de Lagartixa" integra composições de monstros sagrados da música popular brasileira como Jacob do Bandolim, Villa-Lobos e Dori Caymmi recheadas de arranjos de profundo bom gosto, que ombreiam com composições inéditas de integrantes do grupo numa mescla de elementos rítmicos tradicionais da música brasileira e concepções harmónicas e melódicas contemporâneas.

Vale a pena, garanto-vos, passear por estas paisagens melódicas dignas do melhor que o choro tem. Puro deleite!


deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do autor do artigo sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
version 1/s/música// @obvious, @obvioushp //jr