“Água” - um filme sobre crianças viúvas na Índia de Ghandi


 India Ghandi Filme Viuva Prostituicao Cinema Agua Water

Vi recentemente em DVD um filme impressionante que fala sobre uma viúva de 8 anos que nunca conheceu o marido e que é encarcerada numa casa de acolhimento estritamente aberta para receber viúvas. Segundo a tradição indiana estas mulheres devem ficar isoladas da sociedade até ao final das suas vidas e não podem voltar a casar. Isto mesmo que tenham oito anos e continuem virgens. O filme chama-se “Água” (“Water”) e foi realizado por Deepa Mehta em 2005. Uma história impressionante sobre a triste sina das viúvas na Índia do século passado, quando as ideias de Ghandi começam a mudar o rumo da tradição. Uma história sobre a criança Chuyia e a sua amiga Kalyani que se prostitui para financiar o “lar” de viúvas e que ousa perturbar as regras apaixonando-se por um homem com estudos universitários que está disposto a desafiar a tradição. Estas mulheres além de remetidas ao esquecimento não têm dinheiro para comer e vivem da caridade alheia. As mais novas usam a prostituição para pagar as despesas das mais idosas num jogo social que todos conhecem mas querem ignorar.

 India Ghandi Filme Viuva Prostituicao Cinema Agua Water

Desconhecia este problema e o filme questiona duramente a religião que impõe às mulheres este estado de degradação. O filme fala-nos emotivamente sobre os direitos da mulher na sociedade indiana que ainda hoje parece bastante influenciada pelo casamento tradicional onde os noivos são escolhidos pelos familiares. No livro China e Índia, as duas grandes potências emergentes de Frederico Rampini o autor refere-se ao sistemas de castas da Índia contemporânea realçando o estranho impulso que leva, ainda hoje, jovens com educação, ao nível do doutoramento a maioria das vezes feito nos Estados Unidos da América, a aceitarem casar com mulheres e homens escolhida(o)s pelos seus pais. A tradição impõe regras desumanas e só uma vontade de liberdade, que desafia o estado das coisas, pode quebrar este impulso de preservar hábitos conservadores e incompreensíveis ao olhar ocidental.

Como o filme tão bem coloca a questão, podemos controlar os velhos, esquecê-los e remetê-los a situações horrendas, mas as crianças, essas, mesmo na Índia, abrem sempre as asas e tentam voar. Nem que seja por um simples doce que faz feliz uma velha na hora da morte. O destino de Chuyia pode ser diferente daquele que as outras miúdas, antes dela, tiveram e é isso que dá significado à morte das anteriores companheiras de infortúnio. Viúvas que depois de perderem o marido perdem a vida e cujo único destino é passar o tempo. A não perder.

 India Ghandi Filme Viuva Prostituicao Cinema Agua Water


patricia Gouveia

é uma personagem do jogo Mouseland. Dedica-se a viajar no ciberespaço e em realidades alternativas reais que misturem realidade e ficção numa constante exploração e experimentação lúdica.
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do autor do artigo sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
version 1/s/cinema// @obvious, @obvioushp //patricia Gouveia