O fascismo do corpo humano

O excelente diretor iugoslavo Dusan Makavejev relançou no Brasil um de seus primeiros filmes. Trata-se do polêmico e satírico filme Sweet movie, obra de 1974. Para se ter uma idéia do grau de polêmica da película, Sweet movie continua banido do território dos EUA e do Canadá.


 Sweet movie, um filme de Dusan Makavejev

Tempos atrás, vi um filme diferente no cinema. Tratava-se, na verdade, de um relançamento. Fez algum barulho mas logo foi relegado ao esquecimento. Hoje, deve estar a espera, silencioso, em alguma prateleira empoeirada de vídeolocadora. Falarei um pouco sobre esta fita, que deve ser assistida por todos, afinal, ela é daqueles tipos de filmes que ajudam a pensar e resumem um período da história do século 20.

O excelente diretor iugoslavo Dusan Makavejev, mentor do filme Montenegro (Montenegro, 1981), relançou aqui no Brasil um de seus primeiros filmes. Trata-se do polêmico e satírico filme Sweet movie, obra de 1974. Para se ter uma idéia do grau de polêmica da película, Sweet movie continua banido do território dos EUA e do Canadá.

 Sweet movie, um filme de Dusan Makavejev

E o porque da proibição? Simples, muito despojamento e tensão sexual. O filme conta a história de duas mulheres. A primeira sobre a Miss Mundo 1984 (Carole Laure), que se casa com um decrépito magnata de petróleo, que sofre de impotência sexual, e, por isso seus desejos são singulares. Ao invés do sexo convencional, ele só se satisfaz em urinar na pobre garota. A angústia da garota é tanta, que ela se manda para Paris e encontra um novo amor, agora um roqueiro afetado e drogado. Sua vida ganha novo ritmo, onde ela se envolve em body-art (arte através da mutilação do corpo), muito sexo e entra para um grupo comunista na Áustria.

A segunda história gira em torno da Anna Planeta (Anna Prucnal), capitã de um navio carregado de chocolates, doces, homens e crianças, e está apaixonadíssima por um refugiado do navio de guerra Potemkim. Toda a intensidade dos comportamentos no navio se basea somente em sexo e política, até o limiar da insanidade.

 Sweet movie, um filme de Dusan Makavejev

 Sweet movie, um filme de Dusan Makavejev

Sweet movie é espontâneo e vulcânico. Parte narrativo, parte documentário, parte teatral e parte experimental. Makavejev mapeou uma idéia do fascismo e do comunismo que o corpo humano produz e do poder do sexo na vida política das pessoas. Uma metáfora da essência pornográfica que o sistema de autoridade e do poder imprime nas pessoas.

Artigo da autoria de Danilo Corci, Speculum.
version 1/s/cinema// @obvious, @obvioushp //obvious