Água em câmera super-lenta

A mais de 2000 frames por segundo o comportamento de uma gota de água é bem diferente do que se poderia pensar: salta, salta e volta a saltar como uma bola de borracha. As filmagens em câmera super-lenta revelam-nos o mundo tal como ele é, surpreendente e invisível aos nossos pobres e imperfeitos olhos.


 Água em câmera super-lenta

As fotografias de alta velocidade já nos tinham dado imagens incríveis: balões a explodir, projécteis a perfurar objectos, animais em movimento, etc., sem esquecer o famoso impacto de uma gota numa superfície de água ou outro líquido. Ficámos surpreendidos com as formas estranhas e belas que se revelaram aos nossos olhos e, sobretudo, pela incapacidade da nossa visão em captar essas realidades ocultas. A tecnologia, através da fotografia, começou por abrir os horizontes do mundo visível. Actualmente, com o vídeo digital, a câmera super-lenta ampliou aqueles horizontes até limites impensáveis. Ficamos assim a saber que o comportamento da água se assemelha a um bailado...

A mais de 2000 frames por segundo podemos ver que uma gota de água se comporta como um bola de borracha quando cai sobre uma superfície do mesmo líquido. Podemos ver também como se forma uma coroa ou o efeito que provoca o impacto de uma massa de água ascendente com outra descendente. Eis alguns vídeos com filmagens desses movimentos ultra-rápidos que a câmera super-lenta revela aos nossos olhos.


benjamin mendes

There are those that look at things the way they are, and ask why? I dream of things that never were, and ask why not?
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// @obvious, @obvioushp //benjamin mendes