ilustrações recortadas: à moda antiga

Todas as crianças brincam com recortes. Uns de jornais e revistas, outros de cartolina, outros com os papéis dos rebuçados. Cortar e colar faz parte do nosso crescimento e está presente em qualquer aula de educação visual. Agora, o espanhol Javier Rodríguez García fartou-se das avançadas tecnologias de imagem dos computadores e propôs um novo projecto de ilutrasções recortadas: à moda antiga.


Javier Rodriguez Garcia imagem ilustracao recorte colagem

Javier Rodríguez García é um verdadeiro nostálgico: depois de ter estudado design gráfico durante anos e trabalhado em agências desde os 18, deu-se conta de que precisava de um desafio maior para o manter motivado. Passou a dedicar-se ao regresso às origens das ilustrações.

Absorto durante muitos anos no seu computador e nas suas infinitas possibilidades e programas, apercebeu-se de que precisava de ir mais além, voltando atrás no tempo. As memórias da ilustração artesanal da sua infância despertaram-lhe o interesse e a dedicação ao estado puro desta arte. Desde então experimenta em cartões, papéis, botões, tecidos e outros materiais artesanais, recriando com perfeccionismo os cortes que fazia em criança.

Mesmo que o produtos finais sejam fotografias a duas dimensões, existe sempre a ideia de que o projecto foi feito a quatro dimensões, quase como uma instalação, criando a ilusão de uma imagem tridimensional. Confuso? É que estes trabalhos não são apenas a junção de materiais: a fotografia posterior joga também com a luz e as sombras, resultando daí o efeito 3D. Como o próprio Rodríguez García diz, é uma forma de mostrar que as técnicas tridimensionais antigas são tão boas como os mais avançados programas de computador.

Javier Rodriguez Garcia imagem ilustracao recorte colagem

Javier Rodriguez Garcia imagem ilustracao recorte colagem

Além da técnica usada, estas ilustrações são também uma forma do artista marcar uma opinião acerca dos assuntos que o rodeiam, sem ser obrigado a usar palavras, que são sempre um meio mais comprometedor: na sua própria linguagem ele mostra como vê Lady Gaga ou uma simples aula de anatomia. A cantora norte-americana usa uma máscara que a protege do exterior, apesar do olhar assustado, e a dissecação de um sapo aparece em vários níveis de cores berrantes, como a abertura de uma caixa de pandora.

Javier Rodriguez Garcia imagem ilustracao recorte colagem

Javier Rodriguez Garcia imagem ilustracao recorte colagem

Javier Rodriguez Garcia imagem ilustracao recorte colagem

Javier Rodrigez Garcia


Diana Caldeira Guerra

A Diana gosta de caracóis temperados no verão, canja de galinha no inverno e autores clássicos em todas as estações do ano
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do autor do artigo sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
version 1/s/artes e ideias// @obvious, @obvioushp //Diana Caldeira Guerra
Site Meter