A corrida pelo Oscar: os melhores atores

Nos últimos anos a corrida pela estatueta do Oscar, na categoria “Melhor Ator”, tem sido um verdadeiro espetáculo do tapete vermelho, com direito a aumentar os batimentos cardíacos e suar as mãos. Os atores mais talentosos da sétima arte lutam entre si pelo reconhecimento da Academia e pelo status mediático que só Hollywood é capaz de conceder.



oscar hollywood ator fama

Fama, sofisticação, prestígio, dinheiro e poder - isto é Hollywood. O palco por onde a fama desfila. Lugar dos afetos e desafetos negociados, grifes e gafes e lentes fotográficas. A terra onde os únicos números que importam são os da balança e os da conta bancária. E, sem dúvida, dos troféus na estante de casa, especialmente aqueles quem têm a forma de um cavalheiro sobre um pedestal no formato de um rolo de filme, folheado a ouro de catorze quilates. A estatueta de 35 centímetros de altura não vale muito, estima-se que por volta de 200 dólares, no entanto, seu valor simbólico é incontestável.

O Oscar premeia os melhores profissionais do cinema de Hollywood desde 1929, sendo a mais antiga cerimônia de toda a mídia. Uma das principais categorias é a de “Melhor Ator”, uma disputa da qual grandes nomes já fizeram parte - como Paul Newman, Robert Redford, Clint Eastwood, Marlon Brando, Robert De Niro, Laurence Olivier, Anthony Hopkins, Al Pacino, Dustin Hoffman, entre tantos outros deuses do cinema. O ator privilegiado com o Oscar vê seu valor comercial ir às alturas, fazendo com que seja disputado por diretores, já que os filmes que protagoniza ficam entre os mais rentáveis do mundo.

Deixamos aqui algumas curiosidades da história de uma das mais esperadas e aclamadas premiações da cerimônia do Oscar: a de “Melhor Ator”.

Em 1932 a Academia concedeu a estatueta de “Melhor Ator” para Wallace Beery e Fredric March, simultaneamente, alegando empate. Depois deste ano as regras de votação mudaram a fim de evitar igual circunstância.

Na história da premiação, os únicos atores que receberam duas estatuetas consecutivas foram Spencer Tracy, nos anos de 1938 e 1939 e Tom Hanks, que abocanhou o Oscar por sua extraordinária performance no filme Philadelphia, de 1994 e no ano seguinte, em 1995, pela excelência com a qual interpretou uma das mais famosas personagens do cinema de todos os tempos, em Forrest Gump.

oscar hollywood ator fama Wallace Beery e Fredric March

oscar hollywood ator fama Spencer Tracy

Laurence Olivier dirigiu a si mesmo no papel que lhe rendeu o Oscar por Hamlet, em 1949, assim como o italiano Roberto Benigni dirigiu a si mesmo e levou a estatueta pelo emotivo La vita è bella, em 1999.

Mas nem só de orgulho a premiação é feita, havendo algumas constrangedoras inconveniências, protagonizadas por atores que usaram a notoriedade para protestar contra a Academia, como George C. Scott, que recusou seu prêmio por Patton, e Marlon Brando, vencedor por The Godfather, que fez subir ao palco uma representante dos nativos americanos em protesto.

Nos últimos dez anos a premiação para os melhores atores parece ter sido um espetáculo à parte, tamanha tem sido a concentração de talentos que disputam o status hollywoodiano.

Em 2000, foi a vez de Kevin Spacey no fantástico American Beauty, seguido por Russel Crowe, em 2001, por Gladiator. Denzel Washington levou a melhor com Training Day, em 2002, desbancando atores como Tom Wilkinson. Em 2003, Adrien Brody foi o ator mais novo a receber um Oscar: tinha 29 anos e levou a estatueta por sua extraordinária performance no papel do protagonista em The Pianist.

oscar hollywood ator fama Adrien Brody

Em 2004, Sean Penn ganhou por Mystic River, deixando para trás desempenhos fantásticos como os de Bill Murray em Lost in Translation e Johnny Depp em Pirates of the Caribbean: The Curse of the Black Pearl.

Jamie Foxx ergueu o troféu em 2005 por seu papel na pele da lenda do blues Ray Charles, em Ray, seguido pelo excelente trabalho de Philip Seymour Hoffman, em 2006, com Capote. Em 2007, a Academia premeia mais um ator negro – dentre os únicos quatro premiados até hoje: o talentoso Forest Whitaker, por The Last King of Scotland.

Em 2008, Daniel Day-Lewis leva pela segunda vez a estatueta para casa (ele já havia conseguido um Oscar em 1990 por seu papel em My Left Foot) e deixa para trás atores como Johnny Depp, George Clooney e Tommy Lee Jones.

No ano seguinte, 2009, o ator Sean Penn também leva, pela segunda vez, o Oscar para casa por seu papel em Milk.

oscar hollywood ator fama Jamie Foxx

Em 2010 quem arrebatou o prêmio foi o veterano Jeff Bridges por Crazy Heart, uma vitória justíssima pela bela interpretação do ator.

Para 2011, a disputa está apertada. Com exceção de Jeff Bridges, novamente indicado e integrante da velha guarda de Hollywood, estão nomeados atores que fazem parte de uma geração mais nova do cinema, ainda que com alguma diferença de talento ou tempo. São eles Jesse Eisenberg (The Social Network); Colin Firth (The King's Speech); James Franco (127 Hours); Javier Bardem (Biutiful); e Jeff Bridges (True Grit). Vamos esperar pela noite de 27 de Fevereiro para saber quem foi o eleito.

oscar hollywood ator fama Jesse Eisenberg – A Rede Social oscar hollywood ator fama Colin Firth – O Discurso do Rei oscar hollywood ator fama James Franco – 127 Horas oscar hollywood ator fama Javier Bardem – Biutiful oscar hollywood ator fama Jeff Bridges – Bravura Indômita

Fontes das imagens: 1, 2©Chris Weeks, 3, 4, 5, 6, 7, 8, 9, 10, 11.

rejane borges

gosta das cores de folhas secas ao chão. E das cores das folhas velhas dos livros.
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do obvious sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
v1/s
 
Site Meter