Ignacio Torres: somos da matéria de que se fazem as estrelas

Ignacio Torres tem uma curiosa teoria sobre a forma como nós, humanos, surgimos. O fotógrafo texano acredita que somos feitos de matéria cósmica, resultado final da morte de várias estrelas. Por isso, no projecto “Stellar” criou imagens representativas desse acontecimento cósmico, adicionando gifs animados em três dimensões, capazes de transmitir um impressionante realismo.


animacao, criacao, digital, estrelas, humanos, ignacio, torres © Ignacio Torres, "Stellar".

Ignacio Torres é um jovem fotógrafo oriundo do Texas (Estados Unidos), que terminou o curso de fotografia na “University of North Texas” no ano passado. Os projectos a que se tem dedicado retomam a junção de um conjunto de elementos cada vez mais usados, sobretudo na área publicitária: fotografia, vídeo e animação em movimento. “Stellar” não foi excepção.

Baseado na teoria de que os humanos são feitos de matéria cósmica resultante da morte de estrelas, produziu uma série de imagens que retratam o exacto momento desse nascimento. Torres explica que utilizou pó reflexivo e confetis para simbolizar as galáxias já desintegradas e a sua posterior transformação em corpos humanos.

Ao inserir modelos reais nas suas imagens e adicionar-lhes movimento através de gifs animados tridimensionais, o fotógrafo queria “congelá-los no tempo entre as partículas que iniciam esta criação celestial”. Este seu pensamento, quase uma metáfora visual, pretende focar a ligação espacial existente entre nós e as estrelas, assim como o tempo que as separa a elas próprias.

animacao, criacao, digital, estrelas, humanos, ignacio, torres © Ignacio Torres, "Stellar".

animacao, criacao, digital, estrelas, humanos, ignacio, torres

Actualmente a viver em Nova Iorque, Ignacio Torres continua a explorar e desenvolver as suas teorias através desta “fotografia animada”.

animacao, criacao, digital, estrelas, humanos, ignacio, torres

animacao, criacao, digital, estrelas, humanos, ignacio, torres

animacao, criacao, digital, estrelas, humanos, ignacio, torres

animacao, criacao, digital, estrelas, humanos, ignacio, torres


diana ribeiro

Gosta de cores, comer algodão doce, ouvir as ondas do mar, cheirar e tocar em livros novos. Não dispensa o uso de nenhum dos sentidos.
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/fotografia// @obvious, @obvioushp //diana ribeiro