Um dia de Verão por Benedetta Falugi

Apanhar sol, tomar banhos de água salgada, jogar à bola e andar de “gaivota” são actividades comuns de um dia passado na praia. A fotógrafa italiana Benedetta Falugi captou a espontaneidade e beleza destes momentos de lazer, reunindo-os na série “ A Summer”.


benedetta, falugi, fotografia, praia, verao © Benedetta Falugi.

O Verão (já) chegou - pelo menos ao hemisfério norte. Isto significa que uma das melhores maneiras de aproveitar o bom tempo é ir até à praia. Foi o que a fotógrafa Benedetta Falugi fez, aproveitando também para registar os veraneantes que gozavam um dia de sol.

Natural da Toscana, Benedetta sempre viveu perto do mar. Não é pois de admirar que este seja retratado em muitos dos seus trabalhos. Em “A Summer”, a fotógrafa junta o mar, a areia, alguns banhistas e respectivas brincadeiras de praia, numa série de imagens que captam toda a espontaneidade e beleza destes momentos típicos de Verão.

benedetta, falugi, fotografia, praia, verao

Sem preparação prévia ou ângulos planeados, a lente de Benedetta transmite a naturalidade dos seus protagonistas. A artista simplesmente fica por detrás da máquina, assistindo e fotografando a essência destes acontecimentos, quase produzindo uma animação fílmica em areais italianos. Benedetta refere que deixa as suas imagens “ comporem-se por elas próprias, criando pequenas histórias”.

Só há cerca de três anos é que descobriu o gosto pela fotografia. No entanto, durante este tempo, já criou várias colecções de imagens, muitas vezes inspiradas pelos seus livros, filmes ou músicas preferidas e colegas de profissão que admira. A série “A summer” não podia abrir mais o apetite para ir dar um mergulho à praia.

Veja mais imagens deste projecto no site de Benedetta Falugi.

benedetta, falugi, fotografia, praia, verao

benedetta, falugi, fotografia, praia, verao

benedetta, falugi, fotografia, praia, verao

benedetta, falugi, fotografia, praia, verao


diana ribeiro

Gosta de cores, comer algodão doce, ouvir as ondas do mar, cheirar e tocar em livros novos. Não dispensa o uso de nenhum dos sentidos.
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do autor do artigo sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
version 6/s/fotografia// @obvious, @obvioushp //diana ribeiro