O dom da simplicidade: as ilustrações de Blanca Gómez

Blanca Gómez é uma ilustradora e designer gráfica natural de Madrid. Em criança, passava os dias a pintar, imaginando que anos mais tarde seria pintora. Optou pela publicidade, experimentou depois a fotografia, mas nunca parou de desenhar. “Cosas mínimas” surgiu para divulgar os trabalhos que fazia, muitas vezes rabiscados em post-its e esquecidos em seguida. Minimalistas, divertidas e simples: assim são as suas criações.


blanca, desenho, gomez, ilustracao, retro © Blanca Gómez, "Bike Blanca".

Blanca Gómez alimentava desde pequena o sonho de ser pintora. Na infância, passava os dias entre folhas e lápis, o que levou os pais a inscreverem-na em aulas de pintura. Anos mais tarde, prestes a entrar na universidade, optou pelo curso de publicidade. A artista espanhola explica que, ao crescer, foi-se apercebendo das dificuldades da profissão e preferiu escolher uma alternativa igualmente criativa.

Não gostou do curso mas continuou os estudos. Experimentou, entretanto, a fotografia e o design. Após regressar de Milão – onde passou o 4ºano - tirou uma especialização em design gráfico que a levou a trabalhar num pequeno estúdio de produção e ilustração literária.

Em paralelo, Blanca também desenhava. Mesmo no trabalho, aproveitava o tempo livre para rabiscar em posts-its que, na maioria das vezes, até ficavam esquecidos. “Cosas mínimas” surgiu por iniciativa do próprio chefe, com o objectivo de partilhar e divulgar essas criações. O site, que então servia apenas como uma montra dos projectos pessoais, transformou-se no seu cartão de visita profissional. As propostas recebidas foram tantas que, a partir daí, o hobby tornou-se no seu principal emprego.

blanca, desenho, gomez, ilustracao, retro © Blanca Gómez, "Bike Blanca".

blanca, desenho, gomez, ilustracao, retro © Blanca Gómez, "Poster Cabaret".

Questionada sobre o que a inspira, responde não saber bem. “É provável que seja aquilo que me rodeia, além dos meus gostos pessoais”. No entanto, aponta alguns artistas que admira e influenciam o seu estilo. “ Descobri o Sempé quando era pequena e li o “Pequeno Nicolau”. Adorava o humor das suas ilustrações. O Tatsuro Kiuchi só conheci recentemente. A simplicidade dos seus desenhos encantou-me”. O design dos anos 50 e 60 não deixa também de estar presente nas ilustrações de Blanca, através das cores sólidas e do aspecto retro que têm.

Quando começa um desenho, tanto pode fazê-lo em papel como usar directamente o programa “Illustrator”. Em primeiro lugar, define as personagens. Só depois de ter a visão certa de cada uma é que vai experimentando os contornos. Em seguida projecta cenários e joga com as cores. Por último, termina o desenho no Photoshop, onde acerta detalhes como as texturas, sombras ou outros contornos. Diversão e simplicidade (no melhor sentido da palavra) definem os seus trabalhos.

Blanca contacta com os clientes pelo site. Colabora com empresas específicas, sobretudo espanholas, fazendo ilustrações para textos jornalísticos, capas de revistas e livros, cartões de felicitações e calendários. A propósito de uma exposição no Suntory Museum, em Osaka, foi também convidada para colorir algumas páginas de um moleskine.

blanca, desenho, gomez, ilustracao, retro © Blanca Gómez, "Hulot".

blanca, desenho, gomez, ilustracao, retro © Blanca Gómez, ilustrações para textos jornalisticos do "El Pais".

blanca, desenho, gomez, ilustracao, retro © Blanca Gómez, ilustrações para textos jornalisticos do "El Pais".

blanca, desenho, gomez, ilustracao, retro © Blanca Gómez, "Minimas".

blanca, desenho, gomez, ilustracao, retro © Blanca Gómez.

blanca, desenho, gomez, ilustracao, retro © Blanca Gómez.

blanca, desenho, gomez, ilustracao, retro © Blanca Gómez.


diana ribeiro

Gosta de cores, comer algodão doce, ouvir as ondas do mar, cheirar e tocar em livros novos. Não dispensa o uso de nenhum dos sentidos.
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/artes e ideias// @obvious, @obvioushp //diana ribeiro