Fotografia escultural de Szymon Roginski e Kasia Korzeniecka

Szymon Roginski e Kasia Korzeniecka juntaram-se para fotografar a colecção de Primavera/Verão de Ania Kuczynska, intitulada “O Mia O”. Poderia tratar-se de mais uma sessão fotográfica comum, com resultados comuns. Contudo, se a sessão fotográfica foi apenas mais uma, com modelos femininas enquadradas por um cenário rural ao ar livre, o resultado foi realmente original.



Ania, cubos, fotografia, Kasia, Korzeniecka, Kuczynska, moda, Roginski, Szymon, tridimensional © Szymon Roginski e Kasia Korzeniecka.

Em “O Mia O”, mais do que a colecção de moda da estilista, o que se destacou foi o trabalho dos fotógrafos. Inspirados pelo cubismo, segundo Kasia, procuraram tirar a bidimensionalidade à fotografia como outrora Picasso e Braque tiraram a bidimensionalidade à pintura.

Sendo assim, à primeira sessão fotográfica seguiu-se muito trabalho manual. Szymon e Kasia trataram e imprimiram as fotografias, divididas em dezenas de partes, com as quais criaram sólidos geométricos diversos, desde paralelepípedos e pirâmides, a dodecaedros. Montaram depois cada imagem como se de um puzzle se tratasse, criando autênticas esculturas fotográficas que oferecem perspectivas diferentes das modelos, das roupas e dos cenários.

As fotografias tornam-se mais materiais e corpóreas aos nossos olhos, conduzindo-nos para elas e dando-nos a sensação de entrar no cenário, de poder passear por lá, tocar a erva com os pés, conversar com a mulher que está sozinha a descansar ou imersa nos seus pensamentos. O dramatismo das imagens, com cenários de céus nublados e tons secos, característicos das fotografias de moda de Szymon, onde a mulher ora se destaca, ora se funde, tornando-se parte integrante do ambiente, é acentuado não só pelos rostos, ou serenos ou perturbados, mas pela tridimensionalidade e fragmentação das imagens.

Ania, cubos, fotografia, Kasia, Korzeniecka, Kuczynska, moda, Roginski, Szymon, tridimensional © Szymon Roginski e Kasia Korzeniecka.

As imagens, apesar de estáticas, ganham dinamismo com os jogos de luz e sombra, com os diferentes planos criados pela sobreposição dos sólidos e pela tensão produzida pelas diferentes direcções em que estes são colocados.

As fotografias das esculturas são então as imagens finais da colecção que, pela sua originalidade, divulgaram a estilista mesmo fora da área da moda e durante muito mais tempo do que a sua colecção permaneceu actual. Enquanto a moda é efémera, a arte permanece - e assim permaneceu este projecto.

Szymon Roginski e Kasia Korzeniecka têm por hábito colaborar em projectos fotográficos criativos e originais, de entre os quais “O Mia O”, “German Dogs” e “Ufostereo Box”. Para verem estes e outros projectos consultem o site Kasia & Szymon.

Ania, cubos, fotografia, Kasia, Korzeniecka, Kuczynska, moda, Roginski, Szymon, tridimensional © Szymon Roginski e Kasia Korzeniecka.

Ania, cubos, fotografia, Kasia, Korzeniecka, Kuczynska, moda, Roginski, Szymon, tridimensional © Szymon Roginski e Kasia Korzeniecka.

Ania, cubos, fotografia, Kasia, Korzeniecka, Kuczynska, moda, Roginski, Szymon, tridimensional © Szymon Roginski e Kasia Korzeniecka.

inês petiz

é artista. E não poderia ser nenhuma outra coisa.
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do obvious sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
x3
 
Site Meter