Meat America: a ambiguidade americana

Uma criativa e polêmica série fotográfica, que leva à reflexão acerca dos costumes e da história de uma sociedade cada vez mais consumista.



carne, consumismo, critica, Dominic, Episcopo, estados, unidos © Dominic Episcopo, "Meat America".

A comida é um dos principais fatores que caracterizam uma sociedade, que revelam a identidade e a cultura de um povo. É por onde correm as tradições, as histórias e, mais, é um dos meios pelos quais encontramos todo o contexto necessário para entender um quadro social. Por isso, a comida, combinada com a arte conceitual é um poderoso elemento para conduzir o público a uma certa mensagem. E foi exatamente isso que fez o fotógrafo americano Dominic Episcopo.

Com facas afiadas, pedaços de carne, criatividade e um bom equipamento fotográfico, ele criou a série “Meat America” – uma alusão a várias situações que dão margem para questionamentos relevantes dentro da sociedade americana. É uma metáfora provocante e original que, por meio da fotografia, conversa com o público na intenção de abrir os olhos de pessoas com artérias sociais fechadas.

O apetite pelo sucesso, o estilo de vida de uma sociedade sem consciência de consumo, seus costumes alimentares – coisas que a longo prazo causam um monstruoso impacto não somente na economia do sistema de saúde do país, mas também no meio ambiente: essas são algumas das questões que esta série, aparentemente insignificante, incita em quem observa. Mas “Meat America” vai além de uma sarcástica imagem da sociedade, mostrando diferenciados pontos de vista com um humor bem cru, por assim dizer. A série também celebra a cultura pop americana, amante voraz da carne. Os Estados Unidos são líderes em produção de carne bovina, representando 21% do total mundial, e estão em quarto lugar no ranking de maior rebanho. Além disso, são líderes mundiais de consumo. Por isso os bifes cortados em forma de estados e ícones americanos como Elvis, Abraham Lincoln, Ben Franklin e a marca Nike.

carne, consumismo, critica, Dominic, Episcopo, estados, unidos © Dominic Episcopo, "Meat America".

carne, consumismo, critica, Dominic, Episcopo, estados, unidos © Dominic Episcopo, "Meat America".

Isso tudo deixa-nos com uma certeza: a mensagem é ambígua. E caímos na segunda certeza: a de que é o observador que completa a mensagem. Cada um reflete de uma forma diferente ao contemplar a série de Dominic que, aliás, é bom salientar, adora um churrasco. Depois do ensaio, o fotógrafo devorou sua arte. Quem pode culpá-lo? A série virou um livro fotografia e é indispensável para quem quer conhecer a fundo a verdadeira sociedade do consumo desenfreado. O nome faz um inteligente e propositado trocadilho com o verbo conhecer em inglês,“meet”. "Meat America" pode representar o pior lado da sociedade americana, mas também representa o orgulho americano pelo próprio estilo de vida.

O interessante é que Dominic não salientou sua opinião ou visão de mundo, muito menos a impôs. Ele deu ao público a possibilidade de pensar e dar à sua arte um significado particular.

Para conhecer mais sobre o artista acesse seu site oficial.

carne, consumismo, critica, Dominic, Episcopo, estados, unidos © Dominic Episcopo, "Meat America".

carne, consumismo, critica, Dominic, Episcopo, estados, unidos © Dominic Episcopo, "Meat America".

carne, consumismo, critica, Dominic, Episcopo, estados, unidos © Dominic Episcopo, "Meat America".

carne, consumismo, critica, Dominic, Episcopo, estados, unidos © Dominic Episcopo, "Meat America".

carne, consumismo, critica, Dominic, Episcopo, estados, unidos © Dominic Episcopo, "Meat America".

carne, consumismo, critica, Dominic, Episcopo, estados, unidos © Dominic Episcopo, "Meat America".

carne, consumismo, critica, Dominic, Episcopo, estados, unidos © Dominic Episcopo, "Meat America".

carne, consumismo, critica, Dominic, Episcopo, estados, unidos © Dominic Episcopo, "Meat America".

rejane borges

gosta das cores de folhas secas ao chão. E das cores das folhas velhas dos livros.
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do obvious sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
x1
 
Site Meter