Uma galáxia na ponta dos dedos

Emulando o processo de crescimento e expansão do Universo através da instalação de uma estrutura similar à de uma teia de aranha, o arquitecto Tomas Saraceno demonstra como a sobrevivência da humanidade depende da manutenção dos nossos frágeis ecossistemas.



aranha, Bienal, de, galáxia, instalação, saraceno, tomas, Veneza © Tomas SARACENO, "Galaxies Forming Along Filaments, Like Droplets Along the Strands of a Spider’s Web", 2009 (elastic rope; installation dimensions variable. Installation view La Biennale di Venezia,Venice, 2009. Private Collection, Switzerland. Courtesy the artist; Tanya Bonakdar Gallery, New York; Andersen's Contemporary, Copenhagen, Pinksummer, Genoa.

A arte deve dizer alguma coisa da realidade. Ou, pelo menos, é esse tipo de arte que gera reacções (mais ou menos violentas), que derruba a barreira elitista que tantas vezes se interpõe entre artista e público. Na Bienal de Veneza, em 2009, o argentino Tomas Saraceno provou que a mais simples das ideias pode originar a mais complexa das interpretações, colocando a sua obra ao alcance de qualquer espectador e obrigando à interacção deste com o objecto exposto.

Vários pedaços de corda elástica cruzados e pregados ao tecto e ao chão, criando grandes esferas compostas por vários nós de ligação - isto é Galaxies Forming along Filaments, Like Droplets along the Strands of a Spider’s Web (em português: "Galáxias em formação ao longo de filamentos, como gotas nos fios de uma teia de aranha", o título dado à instalação que entretanto já passou pela galeria de arte Tanya Bonakdar, em Nova Iorque. O nome deve-se ao facto de haver cientistas que utilizaram a teia de aranha como modelo para a explicação da formação do Universo.

aranha, Bienal, de, galáxia, instalação, saraceno, tomas, Veneza © Tomas SARACENO, "Galaxies Forming Along Filaments, Like Droplets Along the Strands of a Spider’s Web", 2009 (elastic rope; installation dimensions variable. Installation view La Biennale di Venezia,Venice, 2009. Private Collection, Switzerland. Courtesy the artist; Tanya Bonakdar Gallery, New York; Andersen's Contemporary, Copenhagen, Pinksummer, Genoa.

Numa sala inundada de luz, a teia foi disposta de tal maneira que o público interessado em visitar outras salas de exposição viu-se obrigado a contornar o labirinto de fibra. Dada a comparação com o cosmos, pode quase dizer-se que cada pessoa esteve a um simples toque de uma galáxia.

Em 2010, Saraceno deu continuidade a este trabalho, apresentando 14 Billion, uma nova instalação que recria a teia de uma viúva negra em proporções magnânimas: no total, foram utilizados oito mil fios negros de corda elástica, ligados por 23 mil nós, feitos individualmente. A estrutura ocupou uma incrível área de 400 metros cúbicos, em Estocolmo, Suécia (galeria Bonniers Konsthall), e Gateshead, Reino Unido (Baltic Art Centre). O produto final foi conseguido graças à colaboração de aracnólogos, astrofísicos, arquitectos e engenheiros. Mais sobre este projecto em particular no site do autor.

Outros trabalhos e dados biográficos de Tomas Saraceno podem ser vistos aqui.

aranha, Bienal, de, galáxia, instalação, saraceno, tomas, Veneza © Tomas SARACENO, "Galaxies Forming Along Filaments, Like Droplets Along the Strands of a Spider’s Web", 2009 (elastic rope; installation dimensions variable. Installation view La Biennale di Venezia,Venice, 2009. Private Collection, Switzerland. Courtesy the artist; Tanya Bonakdar Gallery, New York; Andersen's Contemporary, Copenhagen, Pinksummer, Genoa.

aranha, Bienal, de, galáxia, instalação, saraceno, tomas, Veneza © Tomas SARACENO, "Galaxies Forming Along Filaments, Like Droplets Along the Strands of a Spider’s Web", 2009 (elastic rope; installation dimensions variable. Installation view La Biennale di Venezia,Venice, 2009. Private Collection, Switzerland. Courtesy the artist; Tanya Bonakdar Gallery, New York; Andersen's Contemporary, Copenhagen, Pinksummer, Genoa.

aranha, Bienal, de, galáxia, instalação, saraceno, tomas, Veneza © Tomas SARACENO, "Galaxies Forming Along Filaments, Like Droplets Along the Strands of a Spider’s Web", 2009 (elastic rope; installation dimensions variable. Installation view La Biennale di Venezia,Venice, 2009. Private Collection, Switzerland. Courtesy the artist; Tanya Bonakdar Gallery, New York; Andersen's Contemporary, Copenhagen, Pinksummer, Genoa.

aranha, Bienal, de, galáxia, instalação, saraceno, tomas, Veneza © Tomas SARACENO, "Galaxies Forming Along Filaments, Like Droplets Along the Strands of a Spider’s Web", 2009 (elastic rope; installation dimensions variable. Installation view La Biennale di Venezia,Venice, 2009. Private Collection, Switzerland. Courtesy the artist; Tanya Bonakdar Gallery, New York; Andersen's Contemporary, Copenhagen, Pinksummer, Genoa.

aranha, Bienal, de, galáxia, instalação, saraceno, tomas, Veneza © Tomas SARACENO, "Galaxies Forming Along Filaments, Like Droplets Along the Strands of a Spider’s Web", 2009 (elastic rope; installation dimensions variable. Installation view La Biennale di Venezia,Venice, 2009. Private Collection, Switzerland. Courtesy the artist; Tanya Bonakdar Gallery, New York; Andersen's Contemporary, Copenhagen, Pinksummer, Genoa.

aranha, Bienal, de, galáxia, instalação, saraceno, tomas, Veneza © Tomas SARACENO, "Galaxies Forming Along Filaments, Like Droplets Along the Strands of a Spider’s Web", 2009 (elastic rope; installation dimensions variable. Installation view La Biennale di Venezia,Venice, 2009. Private Collection, Switzerland. Courtesy the artist; Tanya Bonakdar Gallery, New York; Andersen's Contemporary, Copenhagen, Pinksummer, Genoa.

débora cambé

; Nunca foi nerd, mas gostava de o ser. Mesmo assim, acredita ser capaz de dar um ou outro bitaite sobre uma série de assuntos relativamente interessantes.
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do obvious sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
v1/s
 
Site Meter