Keep Calm: o sucesso das coisas simples

Na actual era digital, os pósteres “Keep calm” são difundidos e partilhados através de milhares de cliques diários. O design e, sobretudo, as mensagens simples são, segundo o cineasta Temujin Doran, a chave do seu sucesso. Numa curta-metragem produzida no início do ano, Doran contou aquilo que a maioria desconhece: a verdadeira origem do cartaz. E essa, adiantamos-lhe, leva-nos a solo britânico durante a II Guerra Mundial.



calm, calma, cartaz, guerra, keep, poster

Em 1939, quando a Inglaterra decidiu apoiar as tropas aliadas para enfrentar Hitler e o exército alemão, o governo britânico teve uma ideia original: mandou imprimir três cartazes com mensagens de incentivo à população. A ideia passava por tentar apaziguar os habitantes das zonas de maior conflito e transmitir um sentimento de esperança na futura vitória.

Os cartazes foram produzidos segundo a mesma linha. Tinham duas cores, uma frase e a coroa do rei de então, Jorge VI. O primeiro exemplar revelava “Your courage, your cheerfulness, your resolution, Will bring us Victory”/ “A sua coragem, alegria e determinação vão levar-nos à vitória”. Já o segundo afirmava “Freedom is in peril, Defend it with all your might”/ “A liberdade está em perigo. Defenda-a com todas as forças”. Ambos saíram às ruas em Setembro desse ano e rapidamente se espalharam pelo país fora.

calm, calma, cartaz, guerra, keep, poster

No entanto, o terceiro poster só seria conhecido em 2000. Na época, ficara guardado para ser exposto apenas numa ocasião de ataque, logo acabou por não ser apresentado. “Keep calm and carry on” / “Tenha calma e siga em frente” marca o início da febre “Keep calm”. Encontrado no meio de livros empoeirados num estabelecimento antigo 61 anos depois, o novo dono gostou tanto dele que resolveu pendurá-lo numa parede. Claro que mal imaginava que este pequeno gesto iria levar a tamanho sucesso. A partir daí, resolveu imprimir cópias da imagem e vendê-las aos clientes.

Segundo o cineasta Temujin Doran, director desta curta-metragem, o segredo está na simplicidade das palavras: “Oferecem uma mensagem transparente e sincera para ajudar a população a superar tempos difíceis. É um conselho que nunca envelhece: mantenha-se calmo e siga em frente”.

Actualmente, mais do que inspirar alguém ao vê-los numa parede, são uma forma de partilha social. E há imaginação para todos os gostos. Basta começar pelo princípio e criar as nossas próprias mensagens adaptadas a cada situação: “Keep calm and eat cupcakes” / “Acalme-se e coma cupcakes” ; “Keep calm and make tea” / “Acalme-se e faça um chá” ; “Keep calm and listen to the Beatles”/ “Acalme-se e ouça os Beatles” são alguns dos exemplos mais comuns.

calm, calma, cartaz, guerra, keep, poster

calm, calma, cartaz, guerra, keep, poster

calm, calma, cartaz, guerra, keep, poster

diana ribeiro

gosta de cores, comer algodão doce, ouvir as ondas do mar e cheirar livros novos. Não dispensa o uso de nenhum dos sentidos.
Saiba como escrever na obvious.

deixe o seu comentário

Os comentários a este artigo são da exclusiva responsabilidade dos seus autores e não veiculam a opinião do obvious sobre as matérias em questão.

comments powered by Disqus
x4
 
Site Meter