asas e segredos...

Porque o segredo é dar asas à criatividade!

Lucifrance Carvalhar

Escritora, sonhadora, amante da arte, literatura e da vida! Psicóloga, formada em Letras e Pedagogia e autora dos livros "Quando eu voltar a ser adolescente" e "Festa de Quinze Anos". Escreve poemas, contos e crônicas!

Se o Universo quer movimento, que tal sairmos da nossa zona de conforto?

Muitas vezes nos perguntamos como o Universo poderá responder e atender aos nossos anseios, não é mesmo? Alguns pensam que isso só ocorrerá por meio de otimismo e pensamentos positivos. Porém, o Universo quer muito mais de nós!


Pessoas em movimento.jpg

O Universo deseja ações, quer que saiamos da nossa zona de conforto, provemos para nós mesmos o quanto somos fortes, capazes de superar obstáculos e enfrentarmos as pedras que a vida coloca nos nossos caminhos.

O Universo prima que aprendamos sempre, que superemos nossas dores com resignação e firmeza.

Não adianta ficarmos reclamando, pois tudo o que ele espera é movimento para que nossa evolução seja favorecida.

Não estamos na vida, no Planeta Terra a passeio!

Como seria bom se pudéssemos ficar naquela zona de conforto, aceitando tudo o que temos de modo calado e acreditando que seremos eternamente felizes, não é mesmo?

Só que chega um momento em nossa vida que tudo balança, sai do lugar. Aquilo que acreditávamos deixa de fazer sentido, nossas crenças se movem, tudo vira uma bagunça e o Universo pede que busquemos a nossa verdadeira essência.

Até as nossas dores são desalinhadas! Sim, porque muitas pessoas aceitam viver na dor e não veem outra saída para mudar! Há pessoas que aceitam as dores, os sofrimentos e não fazem nada para transformar! Vão deixando a vida as levar!!!

Mas o Universo move a vida de todos e não deixa que ninguém permaneça para sempre na inércia! Ele quer movimento, ação de nossa parte!

É neste momento que acontecem inúmeros aprendizados, que choramos, sofremos, questionamos, gritamos e culpamos o Universo pela bagunça que nossa vida se transformou.

E não adianta esbravejar porque isso só vai aumentar o nosso sofrimento.

Já que fomos tirados da nossa zona de conforto, o único jeito é buscar alternativas para que possamos evoluir, aprender e entender os recados que nos estão sendo dados.

É nessa hora que devemos ouvir aquela voz que fala dentro de nós, que alguns chamam de intuição.

O autoconhecimento é fundamental neste processo e só vamos tê-lo se olharmos para dentro de nós e enxergarmos a nossa essência, o nosso propósito de vida.

Temos que seguir sempre em frente e mostrar ao Universo que apesar do caos, somos seres capazes de agir, de mostrar a ele o que queremos.

Pedir apenas não vai resolver porque se Ele não vir movimentos da nossa parte, nada irá acontecer de diferente e a nossa vida continuará uma bagunça, não teremos prosperidade.

Quantas vezes ficamos em um relacionamento apenas porque temos receio de arriscar, de conhecer outra pessoa, de amar de novo, de nos apaixonar?

E no trabalho? Quantas pessoas passam anos fazendo aquilo que não gostam simplesmente porque têm medo do novo, medo de trocar de emprego, medo de aprender, medo, medo e medo!

Muitas pessoas também não viajam porque têm receio de conhecer lugares e pessoas diferentes! Preferem o conforto da sua casa, da sua família e se esquecem que viajar faz crescer, traz cultura e nos faz sair da zona de conforto, da mesmice do dia a dia!

Claro que é muito fácil ficarmos no nosso mundo sem questionar, aceitando tudo de modo calado. Mas o Universo move e não temos controle sobre as surpresas que Ele nos prepara, sobre o que é esperado de nós.

Não dá para nadar contra a correnteza, pois somos energia e ela é movimento!

Então se o Universo quer movimento, vamos sair da nossa zona de conforto e irmos à luta, mostrando a Ele o que queremos com nossas ações em prol de nós mesmos, do outro e de tudo o que nos propusemos a fazer quando desembarcamos no Planeta Terra e aceitamos essa linda viagem que é a Vida!!!


Lucifrance Carvalhar

Escritora, sonhadora, amante da arte, literatura e da vida! Psicóloga, formada em Letras e Pedagogia e autora dos livros "Quando eu voltar a ser adolescente" e "Festa de Quinze Anos". Escreve poemas, contos e crônicas!.
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// //Lucifrance Carvalhar