caminho entre devaneios

Um espaço para discutir sobre nossa contemporaneidade cotidiana

Adolfo Brás Sunderhus Filho

Entender a fluidez de nossa sociedade nos leva a entender nós mesmos como seres sociais.

DISPUTA, IMAGEM, INDIVIDUAL, COLETIVO

Enquanto seres sociais temos falhado miseravelmente ao deixarmos nossos desejos individuais suplantarem os interesses coletivos.


team-386673_1280.jpg

Olhando em torno de tudo o que nos cerca, simplesmente vemos uma realidade que nem parece plena. Os que nos comandam não tem ética, e são cobrados por outros que na primeira oportunidade passam a perna, buscam vantagens, esquecem do outro, não pensam no coletivo. Não é de hoje que isso é presente em nossa sociedade. Sempre houve uma confusão entre público e privado em nossa sociedade, sempre se buscou levar vantagem, buscando ser "amigo do rei", usando-se de parentes importantes, fazendo falar mais alto o sobrenome, dando as famosas "carteiradas".

Pensar no coletivo dói para alguns, é a única explicação que consigo chegar. É impressionante como não há mais disposição em se colocar no lugar do outro, não se para mais para escutar o que o outro está falando. Não! Cada vez mais o que muitos querem é apenas satisfazer seus egos, vangloriar-se, disputar atenção. É algo simplesmente insano, sem lógica alguma. Disputa-se até quem sofre mais, quem perde mais…

Nessa disputa constante, todos perdem, todos são prejudicados. O coletivo não existe mais, travestiu-se de individualismo preocupado com a imagem, e apenas isso. O que se quer é passar uma imagem de bom, de humilde, de generoso. Agora, ser realmente, sem se preocupar em aparecer, em ter destaque por conta disso, aí não! Tem que postar no Instagram, tem que publicar no Facebook, tem que anunciar aos quatros cantos o quanto se é bom! Afinal, a disputa é presente constante!

E quando isso vai um dia acabar? Aí, não faço ideia, e sendo sincero, nem consigo vislumbrar.


Adolfo Brás Sunderhus Filho

Entender a fluidez de nossa sociedade nos leva a entender nós mesmos como seres sociais..
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/sociedade// @obvious, @obvioushp //Adolfo Brás Sunderhus Filho