carpinteiros do universo

Fatias das delícias e insanidades do nosso cotidiano.

Bruna Girardi Dalmas

Não existe uma pílula para cada problema de nossas existências. Mas, ficar estacionado em nossas zonas de conforto não é a melhor saída. Vai ficar aí estacionado ou vai desenvolver algo criativo? Aqui você encontrará pílulas de inteligência embaladas em recortes dos mais variados temas para sacudir o cotidiano e preenche-lo de cores bonitas.

Enquanto banalizarmos o terrorismo, a humanidade corre sérios riscos de extinção

Recortes em forma de desabafo sobre a banalização do terrorismo e os grandes riscos de extinção da raça humana que anda tão desumana.


Sou um grão de areia no olho do furacão Em meio a milhões de grãos Cada um na sua busca, cada bússola num coração Cada um lê de uma forma o mesmo ponto de interrogação Nem sempre se pode ter fé Quando o chão desaparece embaixo do seu pé Acreditando na chance de ser feliz Eterna cicatriz Eterno aprendiz das escolhas que fiz Sem amor, eu nada seria Ainda que eu falasse a língua de todas as etnias De todas as falanges, e facções Ainda que eu gritasse o grito de todas as Legiões Palavras repetidas Mas quais são as palavras que eu mais quero repetir na vida? ( Gabriel O Pensador, Palavras Repetidas)

Enquanto banalizarmos o terrorismo, a humanidade corre sérios riscos de extinção

guerra.jpg

Enquanto um homem acelerar um caminhão em cima de uma multidão. Enquanto um grupo de adolescentes queimar um índio. Enquanto uma criança brincar de arrancar folhas de uma árvore. Enquanto famílias tiverem que atravessar o deserto fugindo de suas casas. Enquanto grupos forem separados por fatalidades, a humanidade se perderá.

Enquanto houver adeptos ao terrorismo. Enquanto houver guerras em nome de deus. Enquanto a corrupção impera. Enquanto as mentiras manipulam os meios de comunicação. Enquanto o lixo for jogado nos rios. Enquanto os povos são escravizados e impedidos de exercer sua liberdade seja religiosa, cultural ou do tipo que for. Enquanto houver discriminação por gênero, raça ou cor. Enquanto a mata for queimada em nome da tecnologia. Enquanto crianças virarem homens bomba. Enquanto mulheres forem desvalorizadas e impedidas de viver de forma digna. Enquanto houver morte por poder, vingança ou por religião. Enquanto aeroportos forem alvos de ataques. Enquanto comemorações como a Queda da Bastilha, apresentações musicais, festas fechadas, finais de torneio de jogos e outros eventos que tinham o intuito de comemorar a paz, forem confudidos com alvos fáceis para o terror.

Enquanto houver disputa de terras. Enquanto houver desigualdade entre os povos, as raças , os gêneros, os gostos, as religiões. Enquanto houver vingança em nome da paz. Enquanto o nome de deus for usado em vão. Enquanto crianças morreram sem ter a oportunidade de viver em um local seguro ou de experimentarem a paz. Enquanto a ignorância prevalecer. Enquanto o poder for levado mais em conta do que o caráter. Enquanto o radicalismo continuar imperando e levando milhares a cultuarem a violência. Enquanto a tecnologia afastar o convívio humano e a conversa olhos nos olhos. Enquanto tivermos que ter medo de andar na rua. Enquanto nos cercarmos por muralhas de medo e insegurança. Enquanto houver alienação pelo que acontece ao nosso redor.

Enquanto os pequenos se convertem ao terror. Enquanto as religiões forem confundidas com violência e opressão. Enquanto houver lavagem cerebral nos rituais ditos religiosos. Enquanto uma mulher sofrer agressão. Enquanto as drogas sejam elas lícitas ou ilícitas servirem para tentar suprir o vazio existencial. Enquanto as relações se formam por status e não por afinidade. Enquanto a forma mais rápida de aliviar a dor for puxar o gatilho. Enquanto inocentes forem convocados para lutar com armas de fogo e munição pesada. Enquanto a política for feita para tirar vantagem. Enquanto os líderes forem governados apenas pelos seus narcisisimos. Enquanto a atração física for mais importante do que o amor. Enquanto a espiritualidade não for mais importante do a religião.

Enquanto matarmos em nome de deus. Enquanto cometermos atos de violência para dissiminar a paz. Enquanto a cultura for radical para tentar ser democrática. Enquanto a televisão omitir a verdade a fim de criarmos falsas esperanças Enquanto banalizarmos o que acontece ao nosso redor e afirmar que tudo é normal. Enquanto nos acostumamros em viver gradeados e com as mentes fechadas para o novo. Enquanto afirmarmos que nada mudará. Enquanto acreditarmos em milagres sem tirar a bunda da cadeira. Enquanto a gente rezar sem praticar o bem ao próximo. Enquanto continuarmos julgando ao invés de fazer diferente. Enquanto continuarmos construindo muros ao invés de pontes. Enquanto esquecemos do nosso lado humano e deixarmos o lado animal racional preavalecer Enquanto agirmos de boas ações, mas com as mãos lotadas de munição, o nosso coração estará fechado para mudanças. Enquanto clamarmos por misericórdia divina sem mudar os nossos atos, seremos apenas uma cópia daqueles mesmos terroristas que repudiamos. Nos igualamos ao terror à medida que julgamos, estacionamos em nososas zonas de conforto, nos acostumamos e acabamos por banalizar a esperança por dias melhores.

O homem que atropelou a multidão me afeta, o grupo de adolescentes que incendeia pessoas me afeta, a criança que arranca folhas de árvores, me afeta. Somos interligados, somos uma mesma energia somos sincronizados, talvez um dia a humanidade possa retomar. Ainda acredito que vamos nos recompor de alguma forma, que o ser humano ainda tem jeito e ainda acredito em milagres. Mas para isso devemos abandonar as munições, os atos pregados em favor de deus, nos livrar dos preconceitos, a fim, de entender que para florescer é preciso amar. Enquanto os atos no mundo não forem tecidos por amor, todo o resto será em vão. Boas intenções e boas ações só repercutirão se forem feitas com amor. Temos que entender, de uma vez por todas, que amar o outro não tem nada de piegas, e sim, será talvez a nossa última salvação. Mas tenho que ir agora, há mais uma família sendo morta quando tentava viver em paz na sua casa, há mais alguns conhecidos sendo assaltados aqui na rua, há mais dinheiro para a educação sendo desviado e calma vem um homem bomba ali armado com palavras de ordem que levam o nome de deus, ele está ali atravessando a esquina e eu posso ser o seu próximo alvo.


Bruna Girardi Dalmas

Não existe uma pílula para cada problema de nossas existências. Mas, ficar estacionado em nossas zonas de conforto não é a melhor saída. Vai ficar aí estacionado ou vai desenvolver algo criativo? Aqui você encontrará pílulas de inteligência embaladas em recortes dos mais variados temas para sacudir o cotidiano e preenche-lo de cores bonitas..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// @obvious //Bruna Girardi Dalmas