carpinteiros do universo

Fatias das delícias e insanidades do nosso cotidiano.

Bruna Girardi Dalmas

Não existe uma pílula para cada problema de nossas existências. Mas, ficar estacionado em nossas zonas de conforto não é a melhor saída. Vai ficar aí estacionado ou vai desenvolver algo criativo? Aqui você encontrará pílulas de inteligência embaladas em recortes dos mais variados temas para sacudir o cotidiano e preenche-lo de cores bonitas.

Sejamos todos Chapolin Colorado


20180414-chapolin5-620x626.jpg

O seriado voltou as telinhas em um canal pago. Lá há episódios antigos raros e conteúdos exclusivos. Para quem tiver curiosidade sobre o personagem, vamos desvendar algumas curiosidades.

Para quem não conhece este personagem icônico criado pelo gênio Roberto Gomez Bolãnos (1929-2014) vamos falar algumas curiosidades a respeito do seriado. A ideia inicial era criar um super-herói em forma de gafanhoto. Isso mesmo, um gafanhoto saltitante. Fazendo referencia a um destes insetos presentes no México que se chama chapulin. Vocábulo que significa gafanhoto na língua Asteca. Mas, também há algumas teorias que confirmam que na realidade o nome Chapolin era uma homenagem a um dos ídolos e inspiração de Bolãnos, Charles Chaplin.

O primeiro episódio exibido data de um de agosto de 1970 até 1979. Depois de uma pausa o seriado retorna em 1980 e fica no ar até 1992. Aqui no Brasil ele chegou ao SBT em 1984 e ganhou o coração dos brasileiros. O programa traz vário parodias com os astros e o cinema americano. Também traz conteúdo critico em relação à América Latina, trazendo temas importantes em forma de paródia. Com piadas que não tem prazo de validade, faz fãs atualmente. Seus temas são sempre importantes e geram discussões. Apesar de ser um programa de humor protagonizado por um herói desastrado, mas cativante se torna atemporal.

Agora que já sabemos um pouco sobre o nosso herói. Sejamos todos Chapolin Colorado. Que a gente saiba usar o humor para driblar os dias nublados.

Sejamos todos Chapolin. Desastrados, mas corajosos. Repletos de empatia. Sempre dispostos a ajudar ao próximo. Ser Chapolin é poder ser herói com poucos efeitos especiais e muito bom humor. Se tornar atemporal apenas pela sua empatia, graciosidade e talento. Diria mais pela sua simplicidade. Afinal ele carrega apenas uma marreta biônica , um par de anteninhas de vinil e pílulas para encolher.

Que não nos falte astúcia para nos defender. Que a gente tenha calma. Calma. Não entre em pânico frente aos problemas do cotidiano. Que as nossas anteninhas de vinil, ou seja, os nossos instintos possam detectar a presença dos inimigos e das coisas ruins.

Que a gente possa suspeitar desde o principio do que precisa saber. Para que a gente consiga se orgulhar da gente mesmo e assim poder arfar de orgulho por ter contado com a nossa astucia. Nossa coragem. Infelizmente em muitas situações irão se aproveitar da nossa nobreza. Em outros, a gente terá que ter todos os movimentos calculados. Mas que acima de tudo. Sigamos os bons.


Bruna Girardi Dalmas

Não existe uma pílula para cada problema de nossas existências. Mas, ficar estacionado em nossas zonas de conforto não é a melhor saída. Vai ficar aí estacionado ou vai desenvolver algo criativo? Aqui você encontrará pílulas de inteligência embaladas em recortes dos mais variados temas para sacudir o cotidiano e preenche-lo de cores bonitas..
Saiba como escrever na obvious.
version 3/s/artes e ideias// //Bruna Girardi Dalmas