Leticia Franco

Médica Veterinária, apaixonada por mitologia, Tolkien, C.S Lewis e Neil Gaiman. Gosto de tomar chá enquanto escuto uma boa conversa.

Alquimia - Fé e Sabedoria

A alquimia é uma prática que proporciona a ligação profunda entre a natureza e o homem, através do conhecimento teórico e prático das relações materiais, mentais e espirituais.


Alq.jpg

"Você será sempre lembrado de que orações e mantras, meditação e integridade espiritual, sustentados pela graça, serão o acompanhamento necessário da sua atividade." - James Wasserman

A alquimia ainda é algo muito distante e obscuro para a sociedade, isso se deve muitas vezes ao fato dessa prática ser repleta de símbolos e textos que dificultam o entendimento do tema. Porém, um pouco de conhecimento será capaz de mostrar como a alquimia proporciona a ligação profunda entre a natureza e o homem.

A alquimia se baseia na transmutação - a mudança fundamental de uma coisa em outra, de um estado grosseiro, impuro, para um estado mais refinado. É possível entender esse conceito no nível físico, espiritual e simbólico. Os grandes alquimistas conseguiam transmutar o chumbo em ouro, essa técnica é associada ao desenvolvimento interior do alquimistas, a elevação do espírito.

A150.jpg

A alquimia se desenvolveu em uma diversidade de culturas e épocas. A encruzilhada cosmopolita de Alexandria foi um espaço de encontros importantes durante os primeiros séculos da nossa era. Ali, a tecnologia egípcia (material e espiritual) encontrou a filosofia grega, o gnosticismo e o hermetismo. A alquimia evolui dessa grande mistura. A alquimia chegou à Europa Ocidental em fevereiro de 1144 com a tradução do Risalat Mariyanus do árabe para o latim como Liber de compositione alchimiae. Os nomes mais famosos de alquimistas foram Sir George Ripley, Paracelso, Nicolas Flamel e Basílio Valentim.

maxresdefault.jpg "A magia celeste não´é uma arte, ela é o efeito do poder divino." Paracelso

Os Quatro Elementos

Os-quatro-elementos12.jpg

Aristóteles (384-322 a.C.), sustentava a ideia inicial que havia quatro elementos: Fogo, Ar, Água e Terra. Platão (427-347 a.C.), sugeriu um quinto elemento, o qual Aristóteles também levou em consideração. Esse elemento ficou conhecido como éter (aither em latim) ou quintessência, e representa o espaço.

quatro-elementos.jpg

Fogo: Quente - primária. É a mais elevada das qualidades ou princípios ativos. Seco - secundária. Toda umidade é consumida pelo calor.

Ar: Úmido - primária. É a mais elevada das qualidades passivas. Quente - secundária. Deve-se à sua proximidade com o Fogo.

Água: Fria - primária.É a segunda das qualidades ativas. Úmida - secundária. Deve-se à sua proximidade com o Ar.

Terra: Seca - primária. É como se não tivesse sido transformada em umidade por estar muito distante do Fogo. É o elemento mais denso. Fria - secundária. Deve-se à sua proximidade com a Água.

Os Três Princípios de Paracelso

Sal, Enxofre e Mercúrio são Os Três Princípios de Paracelso, representando o corpo, a alma e o espírito. Esse princípio foi muito importante para a alquimia e sempre está presente nas obras dos alquimistas.

enxofrms.jpg

Mercúrio: qualidade da volatilidade.

Enxofre: qualidade da untuosidade.

Sal: qualidade da estabilidade.

alquimia.jpg Tanto a teoria dos três princípios como a dos quatro elementos, admitem que tudo tem origem em uma única coisa: a Materia Prima - a Primeira Matéria.

Os Três Princípios também repercutem no simbolismo cristão, principalmente na doutrina da Santíssima Trindade. As duas tradições gnósticas da alquimia e do misticismo cristão foram utilizadas para interpretar uma à outra à luz dos avanços mais recentes da teoria alquímica. Por exemplo, a Pedra Filosofal e o caminho para ela são uma metáfora para Cristo e o caminho que leva até ele.

A Pedra Filosofal

imageOCM.jpg

Os alquimistas tentavam produzir a pedra filosofal a partir do mais grosseiro material. Com ela seria possível transmutar qualquer material em ouro, também poderia ser usada para criar o Elixir da Vida, que prolongaria a vida de quem o bebesse.

A alquimia é uma mistura de fé e sabedoria, envolvendo o trabalho material, mental e o espiritual em busca das leis que regem o nosso ser.

"Ora, lege, lege, lege, relege, labora et invenies." - ("Reza, lê, lê, lê, rele, trabalha e descobrirás")

* Esse artigo teve como base de pesquisa o livro Introdução à Alquimia. Para quem quiser saber mais sobre alquimia, recomendo o site Alquimia Operativa.


Leticia Franco

Médica Veterinária, apaixonada por mitologia, Tolkien, C.S Lewis e Neil Gaiman. Gosto de tomar chá enquanto escuto uma boa conversa..
Saiba como escrever na obvious.
version 24/s/literatura// @obvious, @obvioushp //Leticia Franco
Site Meter