cinema pensante

Como um bom filme pode mudar a nossa vida

Sílvia Marques

Paulistana, escritora, idealista em crise, bacharel em Cinema, cinéfila, professora universitária com alma de aluna, doutora em Comunicação e Semiótica, autodidata na vida, filósofa de botequim, com a alma tatuada de experiências trágicas, amante das artes , da boa mesa, dos vinhos, de papos loucos e ideias inusitadas. Serei uma atleta no dia em que levantamento de xícara de café se tornar modalidade esportiva. Sim, eu acredito realmente que um filme possa mudar a sua vida! Autora do blog Garota desbocada. Lancei recentemente em versão e-book pela Cia do ebook o romance O corpo nu.

Quero um amor simples

Amor que é amor é meio canino. Verdadeiro, sem preconceito, sem frescura, sem mas nem porém. Sim, podemos aprender muito sobre relações verdadeiras e saudáveis com os cachorros. Eles sabem muito mais sobre o amor do que nós que somos racionais.


casal.jpg

Quero um amor simples como ir ao cinema numa tarde de sábado devorando um pacote gigante de pipoca.

Quero um amor simples com gosto de pizza e chope depois de um dia cansativo de trabalho.

Quero um amor simples como dormir até mais tarde num domingo de chuva.

Quero um amor simples como um banho de piscina num dia de verão.

Quero um amor simples como ouvir a nossa banda favorita sem se preocupar com coisa alguma.

Quero um amor simples como dar um abraço num amigo que não vemos há séculos.

Quero um amor simples como recordar as coisas boas do passado.

Quero um amor como um amor deve ser: simples. Amor não é difícil. As pessoas são difíceis, medrosas, reticentes, egoístas. O amor é bonito e vale a pena. Amor pelo namorado/namorada, amor pelo melhor amigo da escola, amor pelos filhos, pelos pais, pela natureza, pelo nosso pet, pelas artes , pelo nosso trabalho, pela simples ideia de estar vivo.

Foto-Valor-3.jpg

Amor que é amor é meio canino. Verdadeiro, sem preconceito, sem frescura, sem mas nem porém. Sim, podemos aprender muito sobre relações verdadeiras e saudáveis com os cachorros. Eles sabem muito mais sobre o amor do que nós que somos racionais.

Cachorro ama quem o afaga, quem lhe dá comida, quem lhe quer bem. Amor de cachorro é fiel. Cachorro ama do mesmo jeito o seu dono: não importa se ele mora numa mansão com jardim ou se é um morador de rua. Cachorro só não suporta maus tratos. Ele ama quem o ama e encara qualquer barra com o seu dono.

aVR0_4996.jpg

O amor é instintivo e não precisa se esforçar para ser fiel. Ele quer e precisa ser fiel pois amor que é amor não tem espaço para simulações. A mentira vai contra a essência do amor. Sim, o amor é simples e bonito, mas precisamos nos abrir para ele, deixar a porta da alma escancarada e o coração firme.

Dedico o atual texto à Chris Aguetoni, que sugeriu este tema tão lindo!


Sílvia Marques

Paulistana, escritora, idealista em crise, bacharel em Cinema, cinéfila, professora universitária com alma de aluna, doutora em Comunicação e Semiótica, autodidata na vida, filósofa de botequim, com a alma tatuada de experiências trágicas, amante das artes , da boa mesa, dos vinhos, de papos loucos e ideias inusitadas. Serei uma atleta no dia em que levantamento de xícara de café se tornar modalidade esportiva. Sim, eu acredito realmente que um filme possa mudar a sua vida! Autora do blog Garota desbocada. Lancei recentemente em versão e-book pela Cia do ebook o romance O corpo nu..
Saiba como escrever na obvious.
version 5/s/recortes// @obvious //Sílvia Marques
Site Meter