cinema pensante

Como um bom filme pode mudar a nossa vida

Sílvia Marques

Paulistana, escritora, idealista em crise, bacharel em Cinema, cinéfila, professora universitária com alma de aluna, doutora em Comunicação e Semiótica, autodidata na vida, filósofa de botequim, com a alma tatuada de experiências trágicas, amante das artes , da boa mesa, dos vinhos, de papos loucos e ideias inusitadas. Serei uma atleta no dia em que levantamento de xícara de café se tornar modalidade esportiva. Sim, eu acredito realmente que um filme possa mudar a sua vida! Autora do blog Garota desbocada. Lancei recentemente em versão e-book pela Cia do ebook o romance O corpo nu.

Cinema e surtos psicóticos

Um forte choque emocional pode desencadear um surto psicótico em pessoas que sempre demonstraram equilíbrio emocional. O evento pode acontecer diversas vezes na vida de uma pessoa ou pode ocorrer uma vez apenas. Pode durar alguns momentos, dias ou semanas.


relatos%201.png

Quando escutamos a expressão surtos psicóticos, imaginamos que eles aconteçam apenas com pessoas psicóticas. Embora seja mais comum realmente acontecerem com bipolares , esquizofrênicos ( duas categorias de psicóticos) e portadores do transtorno de personalidade Borderline ( um transtorno que fica entre a neurose e a psicose, carente de uma categorização rígida) , é possível passar por um surto psicótico sem apresentar nenhum dos transtornos acima.

É possível passar por um surto psicótico tendo uma simples neurose. Uso a expressão simples porque , excetuando os psicóticos e os perversos, todos nós somos neuróticos. A maioria em grau muito leve. Quando denominamos uma pessoa de neurótica é porque sua neurose aparece num grau mais elevado.

Um forte choque emocional pode desencadear um surto psicótico em pessoas que sempre demonstraram equilíbrio emocional. O evento pode acontecer diversas vezes na vida de uma pessoa ou pode ocorrer uma vez apenas. Pode durar alguns momentos, dias ou semanas. Uso de substâncias químicas também pode acarretar um surto psicótico.

No filme argentino Relatos selvagens , vemos casos de surtos psicóticos: pessoas desiquilibradas ou não, que foram levadas ao limite das suas emoções.

Merece destaque a personagem protagonista do sexto e último episódio: uma moça meiga que descobre ser traída pelo noivo em plena festa de casamento. A humilhação de ver a sexy amante do noivo em sua festa de casamento desencadeia uma sequência de gestos transloucados por parte da noiva que só queria em princípio dançar e comemorar com familiares e amigos o dia que deveria ser o mais feliz da sua vida.

relatos-selvagens-filme-3.jpg

Ainda em Relatos selvagens , no quarto episódio, vemos um engenheiro boa gente , interpretado por Ricardo Darín, perder a paciência por causa de um sistema injusto e corrupto que induz as pessoas a levarem multas e terem seu carros guinchados. Prejudicado pelo sistema , incompreendido pela ex-esposa e a filha , sem respaldo da empresa onde trabalha , ele elabora um plano mirabolante para se vingar depois de alguns ataques de raiva.

Relatos-Selvagens-Meio2.jpg

No primeiro episódio, vemos uma história de vingança com proporções homéricas. No segundo episódio, um ato transloucado para vingar a inofensiva colega de trabalho e de certa forma vingar todos aqueles que padecem nas mãos dos poderosos sem escrúpulos. No terceiro episódio, vemos uma bizarra briga entre dois homens numa estrada. No quinto, um homem muito rico se cansa de ser manipulado.

relatos_selvagens_1.jpg

Cena do terceiro episódio do filme Relatos selvagens

Em A flor do meu segredo , de Pedro Almodóvar, temos como protagonista uma passional escritora que tenta o suicídio após ser deixada por seu marido. Ao ouvir o recado da mãe na secretária eletrônica , arrepende-se e decide se salvar.

a-flor-do-meu-segredo3_superbanner.jpg

Em um dia de fúria , um homem arruinado em diversos aspectos , começa a praticar diversos atos violentos pois já está farto de sofrer.

umdiadefuria.jpg

No clássico de Sérgio Leone , Era uma vez na América , protagonizado por Robert De Niro , num determinado momento, presenciamos a uma cena de extremo desespero e brutalidade por conta de anos e anos de frustração.

eraumavez.jpg

No filme Precisamos falar sobre o Kevin, Eva , a mãe do menino psicopata , num momento de extremo estresse e esgotamento nervoso, acaba ferindo seu filho.

kevin28.jpg

Na série americana Orange is the new black , vemos a protagonista Pipper surtar no finalzinho da primeira temporada depois de ser altamente perseguida por uma detenta.

orange8.jpg

Durante um surto psicótico, a pessoa pode quebrar objetos , agredir verbalmente e fisicamente as pessoas ou até mesmo tentar o suicídio.


Sílvia Marques

Paulistana, escritora, idealista em crise, bacharel em Cinema, cinéfila, professora universitária com alma de aluna, doutora em Comunicação e Semiótica, autodidata na vida, filósofa de botequim, com a alma tatuada de experiências trágicas, amante das artes , da boa mesa, dos vinhos, de papos loucos e ideias inusitadas. Serei uma atleta no dia em que levantamento de xícara de café se tornar modalidade esportiva. Sim, eu acredito realmente que um filme possa mudar a sua vida! Autora do blog Garota desbocada. Lancei recentemente em versão e-book pela Cia do ebook o romance O corpo nu..
Saiba como escrever na obvious.
version 4/s/cinema// @obvious, @obvioushp //Sílvia Marques