código aberto

Um modo de pensar diferente, uma filosofia...um sonho!

Ana Josefina Tellechea

O acaso me trouxe escolhas e meu coração me fez chegar até aqui, porque a razão ainda estou aprendendo a usar. Mulher, Cantora, Professora, escritora e um tanto de coisas mais que vou descobrindo ser.

Vou te contar um segredo: os hackers são os mocinhos

Precisa-se de hackers!


programming-593312_640.jpg

Sabe aqueles personagens que têm defeitos e que cometem erros? Não, não estou falando dos vilões!

É muito comum hoje que os mocinhos tenham características que nem sempre estejam de acordo com a expectativa que se tem e que estão mais próximos do comportamento habitual humano do que de personagens vazios e rotulados.

Na vida real atribuir rótulos às pessoas também é um fato. Sempre que conhecemos alguém, o velho ditado da primeira impressão é o que prevalece, embora muitas vezes possamos acabar mudando de ideia, principalmente quando estamos abertos a isso.

Não é novidade que a mídia impõe valores e padrões de comportamento e forma física. Mas o que sempre me perguntei é por que a ideia de que hackers são os vilões ainda se perpetua. "hackers invadem". "hackers derrubam", "hackers roubam", são frases extremamente comuns de se ler ou ouvir nos veículos de comunicação e estão tão legitimadas e naturalizadas que isso não nos causa nenhum espanto e está livre de questionamentos... bom, pelo menos para a maioria das pessoas.

walkers-486583_640.jpg

Basta fazer uma breve pesquisa no amigo Google que a definição mais próxima do verdadeiro significado da palavra "hacker" estará estampada na tela do computador. Vamos observar:

O que é um Hacker:

"Hacker é uma palavra em inglês do âmbito da informática que indica uma pessoa que possui interesse e um bom conhecimento nessa área, sendo capaz de fazer hack (uma modificação) em algum sistema informático.

Em inglês, a palavra hack é um verbo que significa cortar alguma coisa de forma irregular ou grosseira. Assim, a partir da década de 50 do século XX, a palavra hack começou a ser usada para designar uma alteração inteligente em alguma máquina. Mais tarde, este termo passou a ser usado exclusivamente no âmbito da programação informática." (fonte: significados.com.br)

O que existem entre hackers e criminosos que a sociedade não consegue dissociar? É a própria deturpação do termo, por se achar que conhecer o mundo dos computadores e permear pela cultura digital de uma maneira assídua e carregar isso como um modo de vida, os faria criminosos invasores.

Com isto não quero, nem ao menos posso, dizer que entre hackers, assim como entre policiais, médicos, professores, e em qualquer outra ocupação, não existam criminosos. O que está em questão é o fato de se utilizar o termo Hacker para referir-se a um criminoso. Comumente a mídia perpetua e legitíma este perfil do hacker como um ser das trevas, um inimigo oculto.

Mas se o verdadeiro conceito é conhecido, por que manter viva esta distorção da realidade? Talvez por que seja viável que seres com uma ética diferente da protestante - Vide Ética protestante e o Espírito do Capitalismo de Max Weber - que consiste em uma conduta econômica com bases nas raízes religiosas, mantenham-se com este status.

Talvez o ir além e não permitir ser "programado" seja para mídia um grande empecilho para meter goela à baixo tudo o que lhe for conveniente.

censorship-610101_640.jpg

Ser Hacker não limita-se à programação ou ao mundo dos computadores e da internet. Ser hacker, hoje, significa não estar contente com o usar e aplicar. É não estar satisfeito com o pouco ou o que está na camada superior e sim rompê-la e perceber o quanto ela é fina e quantas camadas ainda se escondem por baixo. Precisa-se de hackers,precisa-se de pessoas que questionem o sistema e busquem alternativas; que tomem as rédeas de suas vidas sem deixar que nada possa ditar como se deve ou se pode viver.

freedom-307791_640.png


Ana Josefina Tellechea

O acaso me trouxe escolhas e meu coração me fez chegar até aqui, porque a razão ainda estou aprendendo a usar. Mulher, Cantora, Professora, escritora e um tanto de coisas mais que vou descobrindo ser..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// @destaque, @hplounge, @obvious, @obvioushp //Ana Josefina Tellechea