Carla Gameiro Dias

Mulher, Mãe, Psicóloga, aprendiz da vida, seguidora fiel do amor...porque quando o coração diz sim, eu vou, sem dúvida, sem pensar duas vezes, porque ele não erra, nunca...

Deixa viver, deixa ser...

Eu sempre fui fã dos Beatles, pelos mesmos motivos que 99% dos fãs dos Beatles o são; eles são (sim, ainda o são) magistrais em todos os sentidos. Contudo, algumas das canções deles são para mim majestosas e eu sempre as considerei hinos; Imagine, Woman, Yesterday, Don’t let me down, And I love her, All you need is love, Here comes the sun; é impressionante como estas músicas me fazem literalmente viajar; é como se eu pudesse efetivamente transpor-me espaço-temporalmente.


Porque viver é preciso.jpg

Mas porque exatamente comecei a falar sobre algumas canções dos Beatles? Simples, porque se pudermos observar com cuidado, existe uma conexão delicada, fina e sutil entre quase a totalidade das letras das canções dos Beatles e o que vamos falar aqui. As melodias falam basicamente sobre o mesmo assunto: viver o AMOR e a PAZ em sua plenitude, e aí claro, chegamos no nosso tema.

Vivamos...vivamos e deixemos viver...ainda há tempo...ainda podemos...

Sempre haverá alguém que nos diga palavras de sabedoria, sempre haverá alguém que nos acolherá em “seu” colo, sempre haverá uma resposta, uma luz, um túnel com saída, uma estrada alinhada, um caminho florido, sempre haverá uma nova chance, sempre haverá um novo dia, uma nova ordem, um novo pedido, um novo ciclo, uma nova era...

Haverá sempre alguém a quem pedir desculpas e alguém a quem desculpar; haverá sempre estrelas para uns e escuridão para outros tantos; haverá tormentas, mas sempre há de haver calmaria; umas noites serão de pesadelo outras tantas de lindos sonhos; há de haver tropeços e logo depois pés ante pés; serão muitas as dores, incontáveis, mas hão de ser muitos os amores, infinitos enquanto dure serão...

Haverá lágrimas de saudades, de tristeza, de profunda ausência, de coração rasgado, de dor lancinante; mas há de haver lágrimas oriundas de extrema felicidade, lágrimas abraçadas a gargalhadas, lágrimas que lavam almas, lágrimas que banham corpos e selam beijos, lágrimas que nos fazem ajoelhar, curvar e orar....

Sempre haverá aqueles que nos querem bem, que nos amam à distância, nos beijam em pensamento e os que nos abraçam; muitos sinceramente, alguns para roubar nosso calor sagrado; mas mesmo para estes que não podem, pobres coitados, não neguemos nosso afeto, afinal, “perdão senhor, eles não sabem o que fazem”...

Haverá tempos de sorte, mas há de haver momento desafortunado; haverá tempos de colheita e ela será farta, mas também há de haver estações sem safra alguma; mas nesse tempo, saberemos como compartilhar, pois de Amor estaremos fartos e de nada mais precisaremos...

Haverá confusão, mas logo, breve, haverá solução; do caos a ordem; da guerra a PAZ...

Porque a única coisa que precisamos fazer é “DEIXAR A VIDA SEGUIR, DEIXAR A VIDA SER” DEIXAR A VIDA VIVER!!!!

Afinal, o “SOL CHEGA LOGO” e ele brilha para todos, estejamos onde estivermos e o que importa é que estaremos todos juntos porque a única coisa que realmente importa é que “TODOS NÓS PRECISAMOS DE AMOR”...

Deixe viver.jpg


Carla Gameiro Dias

Mulher, Mãe, Psicóloga, aprendiz da vida, seguidora fiel do amor...porque quando o coração diz sim, eu vou, sem dúvida, sem pensar duas vezes, porque ele não erra, nunca....
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// //Carla Gameiro Dias