dênis athanázio...

Textos, poemas reflexões e boa conversa.

Dênis Athanázio

Psicólogo, palestrante, terapeuta de família e casal. Gosto de futebol e de

“arranhar” minha guitarra. Escrevo primeiramente para me ajudar e quem sabe, talvez,

ajudar outras pessoas. Escrevo aqui no Obvious e semanalmente no meu blog

denisathanazio.wordpress.com

Muitas dentro de uma só

Nenhuma mulher é igual à outra. Por isso é tão difícil entendê-las. Por isso é melhor amá-las pra só depois tentar compreendê-las. Viver ao lado delas pode ser sempre uma surpresa. É sempre um presente no tempo presente.


mulher.jpg

As mulheres conseguem ser muitas dentro de uma só. Até hoje, são chamadas de frágeis. Acho que quem inventou isso foram os homens. Para se defenderem, é claro, para não mostrar as suas fraquezas. As mulheres não têm várias jornadas de trabalho, pois toda a sua vida é uma jornada incerta. Sempre foi assim na história. Antes não podiam votar, hoje são deputadas, presidentes e continuam chefas do lar.

Nenhuma mulher é igual à outra. Por isso, tamanho mistério em seus olhares. Que encantam e nos faz cantar, mas que, ao mesmo tempo, nos sentimos vulneráveis diante delas. Pobres de nós homens, “perdemos” o controle que nunca tivemos ao ficarmos diante delas.

Nunca foi fácil ser mulher na história da sociedade. Sofrem e sofreram preconceitos e desrespeitos. Sempre trabalharam mais do que deveriam e quase sempre amam mais do que podem, por isso que, às vezes, adoecem o corpo e a alma. Por isso, muitas vezes, choram. Mas aí está a força delas que, a maioria dos homens, têm medo de mostrar: o choro e a coragem de chorar.

Bem-aventurados os que choram, pois serão consolados. Jesus, sim, foi e é um homem que ama as mulheres. Em uma época em que as mulheres não entravam nem nas estatísticas, Jesus contava sempre com elas e as valorizava. Para Ele, eram rainhas e Ele, seu súdito.

Nenhuma mulher é igual à outra. Por isso é tão difícil entendê-las. Por isso é melhor amá-las pra só depois tentar compreendê-las. Viver ao lado delas pode ser sempre uma surpresa. É sempre um presente no tempo presente.

Todo dia é dia da mulher, pois todo dia geram vida e ajudam a mantê-la através do cuidado que Deus ensinou soprando em seus ouvidos. Nós homens devemos aprender com elas, pois fomos gerados, alimentados e cuidados por elas também.

Deus que também muito conhece os homens, entendeu que não poderíamos viver só. Não porque Ele não nos sustentaria, mas porque Ele decidiu colorir nossos dias. Deus sendo artista, pintou as mulheres para nós homens, que somos telas brancas esperando tinta e pincel. É por isso que elas adoram as cores. Pois de dentro delas, nasce o arco-íris . Alguns dias, seus dias são cinzas e tristes, outros dias, seus dias são amarelos e cheio de vida da cor do sol.

As mulheres conseguem ser muitas dentro de uma só

Fortes quando precisam,

Frágeis quando desejam ser seduzidas,

Leais e leoas a quem amam,

Ora são estressadas,

Ora meigas,

Ora neuróticas,

Ora pacientes.

Essas são as mulheres,

Vista através dos homens,

Com suas qualidades e defeitos

Com sentimentos a flor da pele

E delicadas como a pele da flor

Enquanto houver amor e esperança

Existiram vocês, mulheres

Que conseguem ser muitas

Dentro de uma só.


Dênis Athanázio

Psicólogo, palestrante, terapeuta de família e casal. Gosto de futebol e de “arranhar” minha guitarra. Escrevo primeiramente para me ajudar e quem sabe, talvez, ajudar outras pessoas. Escrevo aqui no Obvious e semanalmente no meu blog denisathanazio.wordpress.com.
Saiba como escrever na obvious.
version 3/s/sociedade// @obvious, @obvioushp //Dênis Athanázio
Site Meter