desordenei

Se não sigo o ordinário, hei de ser extraordinário.

Jaqueline Gomes

Enquanto espero um coelho apressado me obrigar a escolher uma única porta, exploro o mundo e suas maravilhas do jeito que posso.

Não tenha ressaca moral pós Natal

Se a noite de Natal não saiu como esperado, se o feriado mais família não lhe pareceu familiar o suficiente, tente corrigir alguns detalhes para evitar a ressaca moral Natalina.


Xmas 1.jpg

Você acordou tarde, acreditando que já não aguentaria comer mais, sobrou metade do Peru e metade do Pavê, por intervenção divina neste ano ninguém fez esta piada. Infelizmente o repertório estava mais elaborado, entre embates políticos, religiosos e sociais, por boa parte do Natal você queria ter o poder de Jeannie é um gênio. 2092862-jeannie.jpg

Entra ano e sai ano e você ainda não aprendeu como evitar a ressaca moral Natalina, aquele momento do dia 25 de dezembro em que você se pergunta o que é que eu estou fazendo aqui? Por que estou aqui com estas pessoas, neste lugar, com roupas lindíssimas em um feriado em que ninguém realmente celebra o que deveria? Afinal comemorar o Natal com qualquer clima distante de gratidão e alegria é como fazer faculdade de Medicina para cantar na Broadway, inútil.

Para que o natal de 2016 seja melhor, maior e mais verdadeiramente Natalino, seguem oito dicas para serem aplicadas no próximo ano:

Número 1 – Pare de comprar! Você não precisa de uma roupa nova, e você não precisa presentear todos os seus familiares, afinal o aniversário é de Jesus e não deles. Piadas a parte, consuma menos, se tem uma coisa que tornaria o mundo melhor é a diminuição do consumo descontrolado e desnecessário. Eu tenho certeza que as pessoas que te amam de verdade ficarão extremamente felizes se você tirar um tempinho da sua rotina para ver um vídeo de DIY (Faça você mesmo) no Youtube e preparar um presente personalizado. Assista o documentário The true cost, para entender a realidade do consumismo que você não consegue enxergar, acredite vai muito além da sua fatura alta. the-true-cost.jpg Número 2 – Não esqueça que o melhor presente, é sim a sua presença! Seja uma pessoa agradável, seja alguém que as pessoas queiram estar por perto, e você nunca precisará de nada material para provar nada.

Número 3 – Esteja perto de quem te quer bem e quem te faz bem. De nada adianta festejar cercado de pessoas que você compartilha sentimentos de ódio, raiva, inveja, desprezo ou indiferença. Cerque-se de positividade, faça uma corrente do bem.

Número 4 – Você acabou de seguir a dica número 3 e não fala com mais de metade da sua família. Você acaba de entender a necessidade de um item três. Pessoas que te amam te respeitam, e respeitam as suas decisões, mesmo que elas não agradem a todos.

Número 5 – Não se preocupe em cumprir papéis. O Natal é um dia como outro qualquer, se algo deveria ser diferente, é a sua atitude para com aqueles que por faltar tanta coisa às vezes nem sabem que já é Natal.

Número 6 – Não seja um fanático religioso, ou um fanático não religioso, encare o feriado como um dia de fazer o bem, sem olhar a quem.

Número 7 – A mesa é farta, compartilhe e não desperdice. Quanto maior a família, maior a festa, quanto maior a festa, maior a quantidade de comida e consequentemente o desperdício. Em vez de comer o mesmo Peru por 6 dias seguidos, saia na rua no dia 25 e ofereça parte da sua ceia para quem não tem o que comer. Se sua ressaca moral natalina ainda não for curada, tente meditar na ideia do item oito.

640_christmas-dinner.jpg

Número 8 – Se nada disso tenha feito você pensar no bem que você poderia ter feito neste natal, pense nas palavras de Dalai Lama:

"Se você acredita em Deus ou não, não importa tanto, se você acredita em Buda ou não, não importa. Você deve levar uma boa vida. E uma boa vida não significa apenas boa comida, boas roupas, um bom abrigo. Estes não são suficientes. Uma boa motivação é o que é necessário: a compaixão, sem dogmatismos, sem filosofia complicada; apenas a compreensão de que os outros são irmãos e irmãs humanos, e respeitar os direitos e a dignidade humana."

Espero que o seu Natal tenha te proporcionado serenidade e paz, e que se por um momento qualquer outro sentimento tenha te cercado, que haja tempo para fazer no próximo ano um bem melhor.


Jaqueline Gomes

Enquanto espero um coelho apressado me obrigar a escolher uma única porta, exploro o mundo e suas maravilhas do jeito que posso..
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/recortes// @obvious //Jaqueline Gomes