Um casal me falou

Antigamente, sem essa coisa de redes sociais, as paqueras eram mais legais, elas aconteciam com o flerte e depois uma conversa no canto do muro da casa de um dos garotos, era mais difícil que algo saísse do controle com o olho no olho. Hoje, existe um tal de stalkear, que significa curtir fotos antigas de uma pessoal para mostrá-la que está interessado nela. É meio louco, mas é de se respeitar, afinal, vivemos em uma sociedade que cada vez mais cobra por seu tempo perdido e perder tempo é uma coisa que não se pode pensar. Com isso, as redes sociais estão aproximando ainda mais os solteiros que procuram seu verdadeiro amor.


quatro_atitudes_dos_casais_felizes_1__2015-05-11150144.jpg

Antigamente, sem essa coisa de redes sociais, as paqueras eram mais legais, elas aconteciam com o flerte e depois uma conversa no canto do muro da casa de um dos garotos, era mais difícil que algo saísse do controle com o olho no olho. Hoje, existe um tal de stalkear, que significa curtir fotos antigas de uma pessoal para mostrá-la que está interessado nela. É meio louco, mas é de se respeitar, afinal, vivemos em uma sociedade que cada vez mais cobra por seu tempo perdido e perder tempo é uma coisa que não se pode pensar. Com isso, as redes sociais estão aproximando ainda mais os solteiros que procuram seu verdadeiro amor.

Certa vez conheci uma história de dois garotos que se conheceram no instagram. O jovem chamado Marcos começou a curtir todas as fotos da jovem chamada Rafaela, ela percebeu o interesse, mas nada falou no começo. Então, Marcos em um ato de desespero, começou a comentar as fotos da Rafaela, uma pessoa que nunca viu pessoalmente e que só sabia o nome porque estava no perfil. Ela começou a se interessar pelo desespero desse garoto e foi olhar o seu perfil para ver do que ele gostava, viu que era bonito e que curtia o mesmo time de futebol e achava que gostavam das mesmas músicas, pois viu uma foto de um quadro dos Beatles.

Sem querer ela curtiu a foto do quadro e Marcos que não era bobo já foi falando com ela no direct do instagram, deu boa noite, foi todo cortês e perguntou qual a música preferida dela. Mas Rafaela era difícil, como assim só porque curti uma foto dele vem com todo esse papinho para comigo, pensou ela, eu não vou falar com ele hoje, vou dar um gelo enorme e mostrar que não gosto de muito enxerimento, talvez amanhã eu fale se estiver afim. No outro dia Marcos voltou a curtir as fotos mais antigas ainda para mostrar que estava disposto a chamar sua atenção a qualquer custo. Rafaela estava começando a ficar chateada com esse fedelho fuçando sua vida inteira e principalmente porque ele estava curtindo as suas fotos mais feias, que ela nem sabia que ainda estavam lá e foi perguntar o porquê de estar curtindo todas as suas fotos. Marcos todo sem jeito começou a falar que achou ela bonita e que estava curtindo as fotos porque essa era a idéia do aplicativo.

Assim Rafaela sorriu com tudo o que Marcos falou e passou seu numero para irem conversar em outro aplicativo de mensagens instantâneas, sim é o whatsapp mesmo. Após conversarem por trinta minutos, Marcos foi dormir e se despediu de Rafaela, porque iria acordar cedo para ir à escola e Rafaela também foi dormir. Assim que amanheceu, Marcos acordou Rafaela com um bom dia cheio de sol e sorrisos e assim passaram o dia todo conversando.

Começaram a se entender tão rápido que pareciam amigos de longa data, conversavam sobre história da arte, música, matemática e até religião. Rafaela fazia parte de um grupo de jovens da igreja que freqüentava e Marcos era um garoto metido a revolucionário que não acreditava em Deus e essa casadinha foi ficando mais intensa e os desejos um pelo outro estava ficando visível em suas conversas. Foi entre uma conversa e outra que Marcos perguntou se Rafaela não queria ir visitá-lo, ela disse que sim e pediu para mandar a localização de sua casa.

Chegando à casa de Marcos, Rafaela sentiu uma sensação estranha, uma paz tomou conta do seu corpo e passou a ter um frio na barriga que só aumentava ao aproximar dele, será que foi amor à primeira vista? Parecia coisa de novela a química que esses garotos tiveram assim que se abraçaram. Não demorou muito até que relasse o primeiro beijo e depois o segundo, terceiro, quarto, nossa, como eles se davam tão bem. Entre beijos e palavras de carinho no canto da orelha, Marcos a levou para seu quarto e começaram a transar, mas de uma forma louca como dois selvagens que dava para os vizinhos ouvir seus gritos.

Como Marcos era um cavalheiro, foi logo pedir aos pais de Rafaela a sua mão em namoro e que tinha intenção de construir um futuro com ela. Oficializaram o relacionamento e mudaram o status do facebook para relacionamento sério, porque se não colocar no facebook não é oficial, não é mesmo?

Passaram a viver uma vida a dois, com o amor cada vez maior e a cada dia a certeza que nasceram um para o outro, isso quando não estavam brigando, claro. As discussões eram constantes na vida do casal, mas o apreço que tinham sempre sobressaia no final de cada desavença. Assim foi se arrastando ao longo de quatro meses de brigas, reconciliações calorosas, ciúmes, reconciliações já menos calorosas. O amor entre os dois era nítido, mas tinham personalidades fortes, o pavio de Marcos era curto e o da Rafaela nem aparecia mais, era uma explosão a todo o momento e gritos intermináveis.

Até que um dia sentaram, conversaram e resolveram se separar. Chegaram a um consenso que o melhor para os dois era o termino do relacionamento, já que as brigas estavam estragando o grande amor que um sentia pelo outro. Viram que passaram por bons momentos juntos, mas que tudo construído estava se desfazendo, talvez por falta de maturidade dos dois, afinal, Marcos tinha dezoito anos e Rafaela quinze. Sei que ainda vão passar por muita coisa, mal viveram para ficar com preocupações amorosas.

Marcos hoje namora outra garota que conheceu na faculdade. Uma vez me contou que passa por uma fase feliz e que seu novo relacionamento estava indo muito bem e Rafaela está curtindo a vida, saindo com suas amigas e dedicando seu tempo aos estudos, pois o vestibular se aproxima e ela quer ser médica. Eu ainda acredito no amor deles, porque sempre que me encontro com qualquer um dos dois, perguntam como o outro está. Ainda são amigos no facebook e passam o dia trocando indiretas. Não sei quanto tempo mais vão continuar esse jogo de quem está melhor ou quem se mostra melhor na rede. Já se passaram três anos desde que tudo aconteceu, mas acredito que o amor desses dois não tem prazo de validade.


version 1/s/recortes// @obvious //FABIO GEOVANE