em uma grande cidade

Uma pressa em falar para o Mundo sobre o que vi, ouvi e vivi(só por garantia).

Julius Lima

Cinefilia.Em estado bruto.

We can be heroes, just for one day

Filme desvenda a adolescência como uma bela canção


Há uma cena que sintetiza bem o filme “As Vantagens de Ser Invisível”. Em plena passagem sob um túnel entre as ruas da cidade, começa a tocar: “we can be heroes, just for one day” entre guitarras que quase afogam as palavras num instante ímpar da história da música. Sabemos que aqueles jovens estão ouvindo o clássico Heroes, canção de 1977 de David Bowie, a descoberta daquele instante fazendo da canção um entre os vários momentos do filme em que a música se transforma numa expressão quase carnal dos personagens e do seu mundo. O filme, ao final, diz como aquelas canções que conseguem dizer o que muita gente sente. Tal como a música de Bowie. Também o belíssimo Asleep dos The Smiths surge como presença que serve o ritmo com que se move a alma da Sam.

Ela é a garota da turma, em uma atuação iluminada de Emily Watson, saiu com meninos demais e tem uma expectativa com os caras mais velhos. Patrick ( o magnífico Ezra Miller) é o amigo gay que mantém um lance sigilo com o craque da escola. Charlie (Logan Lerman) o garoto que chega sem se enturmar, louco por literatura e platonicamente apaixonada pela amiga mais velha. Eles destoam entre os demais da escola onde estudam (quantas vezes já vimos estes ingredientes?).

as-vantagens-de-ser-invisivel-critica.png

O mérito de Stephen Chbosky, que dirige seu próprio livro. É o tom pessoal que as histórias se desenvolvem. Ele parece um herdeiro de John Hughes ( Curtindo a Vida Adoidado) de como o cineasta capta a adolescência como uma zona de turbulências, mas retratando-a como cúmplice, não como pai ou educador. Das inseguranças à euforia, da rebeldia à solidão, passando pela descoberta, não está tudo lá (porque nunca está), mas está muito. O filme junta as músicas às dores da adolescência. "Sixteen, clumsy and shy/ That's the story of my life" (Dezesseis anos, desajeitado e tímido/ Esta é a história da minha vida), lamentava-se Morrissey numa antiga e memorável música dos Smiths. Que bem poderia fazer parte da trilha sonora desse trio. Após algumas horas você vai querer ainda ser amigos deles.


Julius Lima

Cinefilia.Em estado bruto..
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/cinema// //Julius Lima