entre inquietações

Sem a tranquilidade da acomodação

Bia Lopes

Autora do blog Conversa de Gente Fina e do Livro Incondicional. Publicitária e escorpiana, não necessariamente nessa ordem. Coleciono paixões, as maiores delas pela escrita, música e cinema. Inquieta por natureza e sonhadora incorrigível. De passagem por este mundo, tentando, aprendendo, vivendo.

Big Little Lies, dramas do universo feminino

Para quem gosta de acompanhar séries e não tem muito tempo para vê-las é uma ótima pedida: Big Little Lies tem até agora apenas uma temporada com 7 episódios que, cá entre nós, valem muito o nosso tempo. Sem grandes focos em romance e sem lembrar comédias românticas, a série fala ainda sobre traição, culpa, sexo e muitos dos conflitos vividos por nós, mulheres, além de nos fazer refletir sobre o que realmente vale a pena na vida.


Big Little Lies.jpg

Apenas 7 episódios, mas o suficiente para ser instigante, viciante e que nos traz muitas reflexões. Assim pode ser definida Big Little Lies, a série americana baseada no livro homônimo de Liane Moriarty e escrita por David E. Kelley, que estreou em 17 de fevereiro na HBO e finalizou em 2 de abril de 2017.

A trama, que começa com um crime não desvendado, gira em torno da vida de 5 mulheres na pequena cidade praiana de Monterey e vai, ao longo de seus episódios nos instigando a tentar desvendar o mistério do crime. Madeline (Reese Whiterspon), Jane (Shailene Woodley), Celeste (Nicole Kidman), Bonnie Carlson (Zoe Kravitz) e Renata (Laura Dern) são mulheres que vivem cada uma seus dramas de relacionamento, maternidade e cotidiano, cujas histórias acabam se entrelaçando, tornando-se cada vez mais difícil não se envolver.

Entre os temas abordados estão o bullying, a rejeição e as acusações sofridas na escola por algumas das crianças, além das dificuldades das mães em proteger, educar e compreender os filhos. Há também um tema forte em questão: um relacionamento abusivo que inclui violência física e psicológica e que nos mostra o quanto uma família aparentemente normal pode esconder graves transtornos. Outro tema forte em questão é o estupro sofrido por Jane, que resultou no nascimento de Ziggy e em trauma que afeta por completo a sua vida.

Para quem gosta de acompanhar séries e não tem muito tempo para vê-las é uma ótima pedida: Big Little Lies tem até agora apenas uma temporada com 7 episódios que, cá entre nós, valem muito o nosso tempo. Sem grandes focos em romance e sem lembrar comédias românticas, a série fala ainda sobre traição, culpa, sexo e muitos dos conflitos vividos por nós, mulheres, além de nos fazer refletir sobre o que realmente vale a pena na vida. E o que realmente vale a pena para essas 5 mulheres? Agora é a sua vez de descobrir.


Bia Lopes

Autora do blog Conversa de Gente Fina e do Livro Incondicional. Publicitária e escorpiana, não necessariamente nessa ordem. Coleciono paixões, as maiores delas pela escrita, música e cinema. Inquieta por natureza e sonhadora incorrigível. De passagem por este mundo, tentando, aprendendo, vivendo..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/cinema// @obvious, @obvioushp //Bia Lopes