Tainara Gomes

Sou o que costumo classificar como: pararelo entre a fantasia e a realidade.

Sincronia Primordial: nova fase para o rap no Nordeste

Para quem desacreditou do potencial do rap na Bahia topou de frente com o som responsa do Sincronia Primordial. O grupo nasceu a um ano e meio em Salvador, criado pela produtora Hash Produções, a qual também é responsável pelo trabalho do grupo Costa Gold. O Sincronia experimenta uma nova fase, apoiado em novos projetos, trazendo contribuições para o cenário underground e levando representação para as ruas do Nordeste.


IMG-20170308-WA0038.jpg

Para quem desacreditou do potencial do rap na Bahia topou de frente com o som responsa do Sincronia Primordial. O grupo nasceu a um ano e meio em Salvador, criado pela produtora Hash Produções, a qual também é responsável pelo trabalho do grupo Costa Gold. O Sincronia experimenta uma nova fase, apoiado em novos projetos, trazendo contribuições para o cenário underground e levando representação para as ruas do Nordeste.

O novo projeto ''Daqui pra Frente''(ep), tem o lançamento previsto para o mês de abril, o trabalho conta com 8 faixas. Esse novo álbum faz parte da nova caminhada do grupo, que embora esteja em uma fase, ainda mantêm a mesma visão: levar rap para as ruas. A nova formação é composta por Dimme Roots e Robert Beats, a parceria promete novos trabalhos e forte contribuição para a cena. O ep tem como característica uma mensagem de otimismo, que tanto se refere a nova caminha do grupo como também leva mensagens positiva aos que os acompanham.

IMG-20170217-WA0047.jpg ''Passava na rua e a galera: 'colé de menor manda um rap aí pra gente'. Aí alguém abreviou De Menor para Dimme''

Dimme Roots, cantor do grupo, conheceu o rap através de um tio. Com seus 8 anos já era conhecido nas ruas do seu bairro por sua afinidade com o mundo das rimas. ''Passava na rua e a galera: ''colé de menor manda um rap aí pra gente. Aí alguém abreviou De Menor para Dimme''. O cantor enfrentou muitas dificuldades quando estava em carreira solo, como por exemplo, a falta de patrocinadores, contudo, ressalta que atualmente esse quadro tenha melhorado significativamente, ainda que apoio sempre seja bem-vindo. Para Dimme, o rap no Nordeste mudou de um ano atrás pra cá, quando o grupo foi formado. Ele acredita que a cena tem ganhado mais espaço e notoriedade, graças ao empenho das produtoras e o surgimento de novos talentos dando uma nova opção de pesquisa e de notoriedade ao público. Sobre o estado da Bahia, ele mantêm o mesmo posicionamento, grupos locais estão ganhando destaque. Sobre o rap nacional, ele diz que está mais descentralizando do sudeste e outras regiões do país estão ganhando destaque. Na opinião de Dimme, quem mais fortalece a cena é o público, que embora seja grande, poucos marcam presença nos shows. ''falta mais comprometimento do público, que não cola nos eventos, apoio não pode ficar só no Facebook''.

IMG-20170308-WA0020.jpg ''a cena precisa de mais apoiadores e menos faladores''

Robert Beats, dj do grupo, cresceu em uma família onde o som não era bem visto. Embora o apoio familiar tenha crescido, ainda sim, as incertezas no mundo da música deixa seu pai apreensivo. Robert considera sua contribuição no cenário como recente, e fala com orgulho de como sua dedicação ao rap tem rendido bons frutos, especialmente, contribuindo na renda familiar. Ele deixa claro, ainda tem limitações dentro do seu oficio, mas diz que a prioridade é aprimorar-se. Em relação a cena do rap no seu estado, o dj acredita que por causa do ego está causando muita desunião. E frisa: ''O rap na Bahia para muita gente ainda é novidade, até então para muita gente na Bahia era só axé e acarajé''. Robert afirma que a união fortaleceria a cena, além de trazer contribuições positivas. Acrescenta com seu tom polêmico: ''a cena precisa de mais apoiadores e menos faladores''.

O grupo classifica o cd como um cartão de visita, porque vai caracterizar o novo rumo do grupo daqui pra frente: ''esse disco tem muito de nós, mas traz uma temática que o nosso público vai continuar se identificando. Pois fala de aprendizado, erros, acertos e a lição que tiramos disso''. Explica Dimme. Nessa nova fase Robert não pretende apenas atuar nos beats: ''foram várias visões e vivências depois da formação do sincronia, tenho muito para somar com o grupo, inclusive com minhas letras''. Sobre o antigo integrante, o grupo deixa claro que foi uma divergência de ideias e uma escolha dele seguir um caminho diferente. Não houve briga, nem discussão.

Abaixo, segue o videoclip da música ''Desacreditado'', o lançamento faz parte do ep ''Daqui pra Frente'' e conta com participação de LHMC e Muleta MC(DOXA). O clip foi gravado em Feira de Santana, cidade pertencente ao estado da Bahia. Direção: Rodrigo Máximo(O Fabricante), produção: Hash Produções.


Tainara Gomes

Sou o que costumo classificar como: pararelo entre a fantasia e a realidade..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/musica// @obvious //Tainara Gomes