Lucas B. Friedmann

‎"I want to stay as close to the border as I can without going over.
Out on the edge you see all kinds of things you can't see from the center." Kurt Vonnegut (1922-2007)

Eu escrevo porque (eu não entendo e nem sei como explicar) era
o que eu sempre quis fazer, mesmo antes de saber escrever

o mestre dos magos e a busca pelo sentido da vida

O Mestre dos Magos, uma das personagens centrais do seriado de animação para a TV nos anos 80, A Caverna do Dragão, encarnava de certo modo a busca pelo sentido da vida empreendida pelo grupo de adolescentes que ele tentava orientar para que conseguissem retornar para seu mundo.


Um grupo de jovens sofre um acidente em uma montanha russa e, atravessando um portal mágico, acaba chegando a um mundo paralelo. Nesse mundo, eles são recebidos pelo Mestre dos Magos, que lhes fornece armas mágicas e que não lhes dá muitas informações. Eles apenas são avisados de que terão que buscar por si o caminho de volta para seu mundo.

mestre-dos-magos.jpg

O Mestre dos Magos aparece eventualmente para dar orientações e para informar se os jovens desse grupo encontram-se no caminho certo. Sempre existe um novo obstáculo, sempre existe uma nova dificuldade. Quando eles pensam que estão quase conseguindo encontrar uma saída, eles apenas descobrem que não era exatamente ali e que devem seguir buscando.

Eles são avisados dos inúmeros perigos, mas na verdade a dimensão dos problemas sempre é imprevisível e os avisos servem apenas para aumentar o clima de ansiedade. E como uma gincana, onde cada novo passo conduz ao passo seguinte e assim por diante. Ao ponto de se questionarem sobre o sentido de tudo aquilo.

Os jovens ainda encontram uma mascote, uma pequena filhote de unicórnio, cuja conexão emocional chega até a impedir que eles saiam desse mundo mágico. Eles se sentem responsáveis por ela e ela não pode sair desse mundo. Como ficaria essa jovem filhote sem a ajuda desses nobres e corajosos jovens?

A responsabilidade pelas escolhas corretas é tão séria que uma ameaça paira sore o ar. Ao que tudo indica, o maior inimigo desse grupo nesse mundo mágico é um ser que se rendeu ao mal justamente por ter se perdido em uma jornada semelhante, em que precisava encontrar seu caminho por seus próprios meios.

Esse inimigo, o Vingador, busca capturar as armas fornecidas pelo "bondoso" Mestre dos Magos para aumentar seus poderes e finalmente vencer o Mestre. Em um último capítulo para o seriado, denominado Requiem e nunca produzido, seria revelado sua verdadeira origem... o Vingador era filho do Mestre dos Magos!

vingador.jpg

Uma metáfora do caminho que percorremos ao longo da vida, tentando dar sentido ao que vemos ao nosso redor e ao que nos acontece de bom e de ruim, um caminho sobre o qual sabemos pouco, para o qual não recebemos orientações. Um paralelo à jornada de auto conhecimento que todos empreendemos, cada um ao seu modo. Na verdade, parece mesmo que as informações nos aparecem sempre como indícios ou sinais, bem ao modo como o Mestre dos Magos se manifesta aos seus jovens amigos.


Lucas B. Friedmann

‎"I want to stay as close to the border as I can without going over. Out on the edge you see all kinds of things you can't see from the center." Kurt Vonnegut (1922-2007) Eu escrevo porque (eu não entendo e nem sei como explicar) era o que eu sempre quis fazer, mesmo antes de saber escrever.
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/cinema// @obvious, @obvioushp //Lucas B. Friedmann