eulírico

Concepções do mundo

Naílle Conceição

Happy Aniversary, uma comédia romântica bonitinha da Netflix

No dia de seu terceiro aniversário, Mollie e Sam enfrentam um dilema importantíssimo. Enquanto isso acompanhamos uma comédia romântica fofa.


happyposter.jpg

Mollie (Noël Wells) e Sam (Ben Schwartz) formam um casal fofo, bonitinho e estável. No dia de seu terceiro aniversário a moça surpreende o rapaz revelando que não sabe se quer continuar o relacionamento e vai para a casa dos pais. Nos minutos restantes do filme conhecemos a história do casal, tentamos entender junto com eles como chegaram até ali e ficamos na expectativa se eles continuam ou não juntos.

O roteiro escrito por Jared Stern (que também cuidou da direção) é leve e permite ao espectador acompanhar a história de forma despretensiosa, sendo a escolha perfeita para quem procurava um título na Netflix para se distrair. Ele coloca cada etapa da história, seus clichês e subversões nos momentos exatos, pontuados com piadas eficientes.

acenadogambaevinagre.jpg

Enquanto analisam seu relacionamento, Sam e Molllie têm de lidar com as questões que os rodeiam, sejam amigos, trabalho, família e questões mal resolvidas do passado. Ao adentrar nesses assuntos eles encontram respostas para perguntas até então desconhecidas e reafirmam a importância que o relacionamento e o cônjuge têm em suas vidas.

Mesmo no momento em que tudo parece estar perdido e seguir em frente seria a melhor opção, o acaso, no caso, um gambá insiste em juntá – los e nos proporciona uma das melhores cenas do filme, divertida e romântica. Hoje mais cedo li um texto no Buzzfeed que falava sobre como o gênero da comédia romântica estava por baixo depois dos anos 1990 e 2000. Não estou querendo insinuar que Happy Aniversary se compara a Harry & Sally ou Pretty Woman, mas digo, sim que é um filme gracioso, desprentensioso e bonitinho, que nos deixa com um sorriso leve nos lábios depois de assistir, cumprindo sua missão.

meucasaaaaloutrocasal.jpg


version 2/s/// @obvious, @obvioushp //Naílle Conceição