imagens e palavras

REFLEXÕES SOBRE LITERATURA E CINEMA

Fernanda Villas Boas

EM BUSCA DA FAMA

Os valores de nossa sociedade se baseiam na fama e no dinheiro. Para a atual geração a importância de ser rico, famoso e belo tornou-se um paradigma sobre o qual o inconsciente coletivo se movimenta, esquecendo-se de ser, para ter a aparência a qualquer preço e assim, a fama.


celebridades (27).jpg

Quando decidi abordar este tema, jornalismo de celebridades, verifiquei o quanto as pessoas dão importância para este universo onde notícias que seriam consideradas mais importantes, tornam-se irrelevantes. Alguns países, como o Brasil, a Inglaterra e os EUA cultuam as notícias que envolvem as celebridades, porém esse fascínio que as celebridades exercem, também é muito estimulado pela mídia que cria programas especializados neste tema, revistas contando quem está com quem, quem separou-se deixam o público mais curioso por certas notícias. As celebridades tornam-se espelho das pessoas que procuram aperfeiçoamento através delas. De acordo com a jornalista Marina Sillas: “ As pessoas tentam se enxergar através das celebridades, imitando suas roupas, seus cortes de cabelo como se o fato delas imitarem as celebridades fossem ajudar a resolver seus problemas.” As celebridades surgem na sociedade como uma referência de comportamento, principalmente pelos adolescentes que por não terem uma identidade formada espelham-se em pessoas que se identificam. Esse universo parece ser perfeito, glamoroso, onde as pessoas são bonitas e sofisticadas, mergulhamos neste universo e sonhamos que somos iguais a elas, quem nunca quis estar na pele da Angeline Jolie, uma das mulheres mais bonitas do mundo, rica, elegantes, com filhas lindas e ainda casada com um dos homens mais lindos do mundo, realizada e feliz. Gisele Bündchen, a modelo mais famosa e bem paga do mundo que virou um referencial para todas as modelos. Porém, as celebridades são de carne e osso como nós, que também possuem problemas. As pessoas são tão envolvidos neste universo neste universo que quando gostam de uma certa celebridade e ela passa por uma situação ruim, sofre junto com ela e torce para que aquela situação se resolva da melhor forma possível.

celebridade.jpg

Eu tenho percebido que algumas pessoas fazem de tudo para estarem na mídia, enfrentam qualquer situação, desafios só para ficarem em frente às câmaras. Muitas inscrevem-se em reality shows só para ficarem famosas, posam para revistas masculinas. É querer a fama, sem ter algo a acrescentar. A aparência ajuda muito quando se está em busca da fama, as pessoas investem muito nisso, porém esquecem que o lado intelectual é muito importante. Por isso temos atrizes muito bonitas super talentosas que procuram evoluir fazendo cursos profissionalizantes e artes cênicas. Não quiseram ser reconhecidas apenas pela beleza e sim pelo talento. Para a jornalista Marina Sillas “ as pessoas têm que procurar fazer o que gostam e não, buscar a fama só para aparecer na televisão e dar autógrafo. Tem que aprimorar-se no que elas gostam e sempre procurar fazer o melhor possível. A fama é uma conseqüência de um trabalho bem feito.” Há casos em que a pessoa fez muito sucesso e acabou esquecida pelo público, ficando até em depressão, desejando de qualquer maneira ter a fama que tinha.

Muitos cantores que fizeram sucesso na década de 80, hoje são esquecidos pelo público. Muitos abandonam a carreira por não terem oportunidades, acabam frustrando-se. Para Marina, “ a mídia coloca a fama como um ideal de felicidade”. É como se as pessoas que tem fama, são felizes e realizadas. Eu percebo que as pessoas acham a vida das pessoas famosas mais interessantes e glamorosas que a delas.

Os jornalistas atuais têm novos mecanismos de apuração como Facebook. Twiter, Orkut, porém alguns jornalistas sentem-se receosos em utilizá-los. Temos que nos adaptar às novas modificações como o uso da internet como forma de buscar informações. O Facebook, é uma ferramenta que as celebridades usam para promover-se e os jornalistas tiram suas informações delas. Para o jornalismo só veio acrescentar, pois facilita o modo de buscar informação. Os blogs são adorados pelas celebridades que escrevem sobre diversos assuntos neles, falam sobre sua vida pessoal, carreira, colocam fotos. O twiter é como assessoria de imprensa para alguns artistas, que deixam as informações verdadeiras, que nem a seu respeito. Alguns famosos demonstram sua insatisfação, suas reclamações, pelo twiter, isso é consequência da nova era que vivenciamos. Antigamente quando um fato mentiroso era publicado por um famoso ele não tinha como recorrer. Atualmente é só postar em seu twiter o que realmente aconteceu que a mentira é desfeita. Muitas celebridades ficaram conhecidas através da internet como a cantora Malu Magalhães que postou o vídeo dela cantando no you tube e hoje é considerada uma cantora de sucesso, isso só essa nova era pode nos proporcionar. Mesmo os que tentam não vivenciar isso acabam sendo impregnados por esses novos mecanismos. Para nós, jornalistas, criou-se um novo mercado, o jornalismo online, cada vez mais profissionais estão especializando-se nessa área, que futuramente será uma das mais procuradas. Quando temos que noticiar um fato, contamos com a ajuda das fontes, essas relações são as mais citadas quando o assunto é a ética dos jornalistas, a relação com as fontes deve ser cordial e correta. O jornalista percebe quando a fonte é boa ou não. O jornalista tem que procurar ter ética, bom senso, porque você está lidando com a vida das pessoas, e um fato mentiroso pode ser destruidor. Algumas celebridades prejudicam-se por terem suas vidas expostas e fatos mentirosos. Dependendo da notícia publicada, esta pode abalar uma família, destruir casamentos. Às vezes o jornalista depara-se com um fato verídico, mas que se publicado pode causar diversos danos. Depende da postura do jornalista diante daquela situação: muitos publicariam , outros não.

celebri 2.jpg Alguns jornalistas não se importam, o que ele querem é publicar sua matérias. Eu acho que a ética tem que estar junto da profissão, senão perdemos nossos valores. E nos dias em que vivemos isso está tornando-se raro. O jornalista tem que mostrar a informação real e não inventar, publicar informações sem verificar. Temos que trabalhar com a verdade e o respeito.

Por isso muitas celebridades processam alguns jornalistas, por não terem ética e nem respeito pela vida das pessoas. A credibilidade que alguns jornalistas conseguem adquirir é muito importante pois muitas celebridades não dão entrevistas para jornalistas por acreditarem que suas respostas serão modificadas. Alguns veículos de comunicação não têm a menor credibilidade e por isso são prejudicados. Ética é fundamental e está desaparecida dos meios de comunicação.

celebri3-900x599.jpg


version 7/s/sociedade// @obvious //Fernanda Villas Boas