imagens e palavras

REFLEXÕES SOBRE LITERATURA E CINEMA

Fernanda Villas Boas

UMA MULHER À PROCURA DE SI MESMA

My Happy Family (Georgia ჩემი ბედნიერი ოჯახი) é um filme da Georgia 2017 dirigido por Nana Ekytimishvill e ganhou diversos prêmios. A história de Manana (Ia Shughliashvil) uma mulher de 52 anos que resolve abandonar a família e buscar sua felicidade em uma sociedade religiosa que julga vergonhoso, uma mulher se separare ser independente.


My happy family 1.jpegManana (Ia Shughliashvili), uma mulher de 50 anos decide abandonar a família, marido, filhos e seus pais por não mais se reconhecer dentro daquela família tradicional e controladora. Em uma atitude considerada vergonhosa na Georgia, Manana larga todos, para se achar, para redescobrir sua voz interna.. As razões não nos são ditas, pois basta entender a mulher obediente e infeliz e sua função apenas de criar filhos e ir envelhecendo sem um ideal que seja seu projeto de vida. Manana quer desafiar as expectativas religiosas das mulheres de sua comunidade. “My Happy Family” é uma história com o viés feminista e isto se deve muito à protagonista, sua voz, seu olhar melancólico e realista sobre aqueles que a cercam e lhe tiram a possibilidade de falar por si. Manana não tem voz própria o seu olhar triste e sério, nos convence da sua profunda melancolia. Ela, apesar de estar vivendo sozinha, ainda nutre laços afetivos com os filhos, por convenção, mas não quer mais seguir a tradição da mãe e sua religião, então há uma ruptura. É preciso que haja.

my happy family 2.png Manana é professora com carreira e renda própria, revolve drasticamente alugar um apartamento nas redondezas da cidade.abandonando a família de vez. Na Georgia, o abandono do lar é julgado mal para uma mulher. Eles não têm divórcio.Por coincidência, ela é convidada por uma ex colega para uma reunião de sua antiga classe. Neste evento, Manana descobre pelas amigas que o marido Soso, teve um filho de uma amante. Manana resolve visitar esta mulher e o adolescente, disfarçada de medidora de gás.

my happy family -irmão.jpg Ela se sente deprimida, mas segue sozinha e também descobre que irmão Rezo falou com seus vizinhos para protegê-la em sua situação de mulher independente. Ela se revolta ainda mais contra o preconceito existente na Georgia e de como a posição machista de controle, tem que ser combatida pois invade sua privacidade e viola sua dignidade. . Enquanto isso, seu filho engravida uma moça e se casa para morar com o pai e avós. Sua filha descobre que o marido tem uma amante e esta sucessão de fatos vêm confirmar a tradição sempre vivida naquele meio, e rejeitada por Manana que pensa diferente, que prefere se fechar no seu universo, ainda que fale ao marido de modo inquisitivo, como mostrando quem é o vilão na história., fazendo com que se possa refletir sobre a soberania e independência da mulher naquele país e no mundo. My-Happy-FAmily-2017.jpg


version 1/s/cinema// @obvious, @obvioushp //Fernanda Villas Boas