júpiter

Livres para sermos o que somos

Jéssica Woods

Imagine todas as pessoas vivendo a vida em paz..

Ele nunca nos deixou realmente

Hitler é uma das figuras mais complexas e odiadas da história. Sua ideia etnocentrista fez com que milhares de pessoas morressem de formas absurdas e cruéis. Olhos claros, pele clara, cabelo loiro. Esse é nosso padrão de beleza, correto? Encontrou nossas semelhanças com ele? Pois bem.


adolf-hitler.jpg

Houve campos de concentração, extermínio em massa, holocausto, experimentos. De 1939 à 1945, milhões de vidas se foram. Hoje, tornou-se cruas memórias de um passado ainda presente. Mesmo, no entanto, que seja preciso estudar a História para não repeti-la, pela enésima vez isso vem acontecendo, tão natural que parece uma espécie egoísta de procrastinar a guerra.

O padrão de beleza é europeu, racista, desolador e elitista: olhos claros, pele clara e cabelos lisos e louros. O raciocínio de Hitler fora refugiar a Alemanha desértica pela derrota da Primeira Guerra Mundial e acabar com todas essas raças impuras. Ironicamente, sua visão de exímio é simultaneamente parecida com a nossa.

Isso vem de séculos, mas ele teve a coragem de mostrar sem medo tal modo de pensar.

Quando se diz raça impura, é caçar e eliminar qualquer um que não esteja no padrão. O holocausto continua – com cada homossexual, transsexual e mulher. Com cada negro – porque eles não são o padrão.

adolf_hitler_que_sorte_para_os_di_rl.jpg

Quantas vezes ignoramos esse fato? Aquele homem que induziu à morte, na verdade, não tinha ideias tão divergentes. A Barbie é o clássico exemplo; e somente agora resolveu diversificar seus parâmetros. As bonecas, no geral, estão perfeitamente colocadas como Adolf Hitler proclamou anos atrás.

Cerca de 47 milhões de pessoas morreram na guerra. Foram mais de 300 anos de escravidão somente no Brasil. E tudo isso fruto da ingenuidade e achismo de que há uma raça maior e superior – e querendo ou não, ainda há. Clareamentos, insultos, mortes, questione-se: quando isso realmente teve um fim? Quando Hitler não foi um reflexo de uma população falaciosa e egocêntrica?

Defendê-lo não é o propósito. Suas palavras continuarão em prática até mesmo morto. Quando se pressupõe como ele, você não precisa ter medo – isso que constrói nosso mundo.


Jéssica Woods

Imagine todas as pessoas vivendo a vida em paz...
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/sociedade// @obvious //Jéssica Woods