lanterna cultural

Uma luz em tempos sombrios

Douglas Lobo

Escritor e jornalista. Autor dos romances "Terra Amaldiçoada" (2015) e "O Último Natal de um Homem Rico" (2018). Reside e trabalha em Fortaleza, Ceará

  • O-Rio-e-Tao-Longe-Cartas-a-Fernando-Sabino-Otto-Lara-Resende-823144.jpg
    Uma Vocação Desperdiçada

    Resenha do livro "O Rio é tão Longe: cartas a Fernando Sabino", de Otto Lara Resende.

  • jose_ortega_y_gasset_o_homem_que_conserva_a_fe_no_passa_lqnp9qg.jpg
    As Lições do Passado

    No Brasil de hoje, ser conservador é a atitude mais digna que um ser humano pode ter.

  • Em busca de emprego.jpg
    Em busca de emprego

    A situação não está facil para ninguém, e Juvenal terá que se virar para achar um emprego

  • moneybag.png
    Pelo fim da contribuição sindical obrigatória

    A contribuição sindical obrigatório é utilizada hoje para os fins políticos dos partidos de esquerda. Por isso, deve ser extinta.

  • beetle-1488542_960_720.jpg
    Meu amigo Roller Coaster

    Deixem que eu lhes conte do meu amigo Roller Coaster.

    Claro, começo pelo nome. “Roller coaster” é a palavra em inglês para “montanha-russa”. Mas no caso de meu amigo, ela tem outro sentido. Na verdade, não é o nome dele de fato. É um apelido que ele escolheu para si. A opção por essa palavra, me disse o próprio, foi porque ela remete, de modo onomatopaico (meu amigo tem uma fina sensibilidade literária), ao inseto conhecido popularmente como rola bosta.

  • WitchPic.jpg
    Um filme satânico

    Embora na superfície pareça uma crítica ao fundamentalismo religioso, "A Bruxa" (EUA, 2016) é na verdade um filme satânico.

  • hateful_eight.png
    Tarantino, a sétima arte e Os Oito Odiados

    "Os Oito Odiados" cruza a linha que um diretor de humor negro com toneladas de violência como Quentin Tarantino sempre se arrisca a cruzar: a do bom gosto. Porém, ele não o tinha feito até agora. Ao longo de sua carreira, o diretor sempre lidou com o trash, mas sem submeter a ele. Agora, porém, perdeu a batalha.

  • The-hunger-games-trilogy.jpg
    Para que tanta redundância?

    O excesso de franquias no cinema comercial americano reproduz a redundância dos tempos atuais, comprovada nas redes sociais.