mapas do acaso

Infinitas maneiras de como o possível pode vir a ser.

Tiago Júlio Martins

Compartilhe. Por favor, propague a mensagem. Me ajude a ir além.

Depressão não é uma escolha voluntária.

Ninguém adoece porque quer. Saúde mental é um tabu que precisa urgentemente ser desmistificado. Depressão, a mais comum das doenças mentais, merece atenção, mas, acima disso: afeto e empatia.


mental-health-3285625.png Imagem de Gordon Johnson por Pixabay.

Ter depressão é, com frequência, lidar com a incompreensão da maioria das pessoas. É difícil explicar para os outros que é possível estar melancólico, triste, sem energia ou vontade de fazer as coisas, mesmo sem uma causa óbvia e aparente. Os conhecidos demandam uma explicação objetiva que tu não consegues dar. Tu te perdes de ti. No fundo, não sabes exatamente porque estás tão depressivo, só sabes que não é uma escolha voluntária tua, que não deverias ter culpa por isso.

O que maltrata na depressão não é, exatamente, seu fator incapacitante. Não é o excesso de sono, a falta ou exagero de apetite, a dificuldade para fazer a higiene diária, a ansiedade maltratando o peito ou mesmo os pensamentos invasivos perturbando à noite. O que, realmente, maltrata é que tu te sentes impotente diante da tua própria mente, confuso em relação aos teus sentimentos e pensamentos que angustiam. Tu te tornas uma prisioneira de ti mesma.

É preciso muita força, garra e determinação para quebrar esse ciclo vicioso de sofrimento, reconhecer as limitações, e dar um passo adiante. Sem dúvida, buscar ajuda médica e psicológica não é garantia, cem por cento, de cura, já que parte desta cura depende exclusivamente de nós. Porém, é uma etapa fundamental para restabelecer a paz de espírito e restaurar o equilíbrio mínimo que perdemos. Temos que ter fé nos profissionais capacitados para nos atender e na ciência que embasa o trabalho deles.

Fora o preconceito e a discriminação, a vergonha que machuca quem possui um transtorno mental é compreensível e deve ser respeitada. No entanto, ela não deve servir como barreira que nos impeça de caminhar em frente e buscar melhorar, gradativamente, respeitando nosso tempo particular e individual. Daqui de onde estou, tendo passado por tanta dor que vocês nem imaginam, posso dizer que vale a pena lutar por nós e não desistir de viver. Permita-se ser amparado e acolhida. Há possibilidades incríveis dentro de ti. Tu mereces experimentar cada uma delas.

Texto: Tiago Júlio Martins (@otiagojulio)


Tiago Júlio Martins

Compartilhe. Por favor, propague a mensagem. Me ajude a ir além..
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/// //Tiago Júlio Martins