metropolis

Reflexões da vida cotidiana

Fabio R. Marques

Agrimensor, Projetista e Gamer. Do coração do Brasil para o mundo

De onde vêm os políticos?

De tanto fazermos críticas aos políticos, já acostumamos a associar o político a um ladrão. Mas de onde vieram tais pessoas? O que podemos fazer para combater a corrupção?


1024px-Brasilia_Congresso_Nacional_05_2007_221.jpg

Para nós, brasileiros, palavras como: “Operação Lava Jato”, “Mensalão”, “Anões do Orçamento” nos levam a um pensamento único: todo politico é ladrão. De onde surgem tais seres cujo propósito é apenas roubar?

A resposta da pergunta acima parece difícil. É fácil perceber que a resposta é mais incômoda do que difícil. Bem, vamos lá: os políticos surgem de nossa própria sociedade. Eles são apenas um reflexo da nossa cultura no convívio social. No trânsito, na escola, no trabalho ou na vida familiar, talvez agimos com as mesmas características de um politico nato. Quantas vezes cortamos o trânsito para pegar um caminho mais fácil? Ou aquela resposta, da prova que não estudamos, e o colega do lado deixou ela bem a mostra, será que não fazemos uma forcinha para espiar? Quando omitimos detalhes de gastos pessoais, exemplo gastar com cerveja em um bar, será que falamos para as esposas?

Com passar do tempo achamos tudo normal. É o jeitinho brasileiro, dizem alguns. Mas quando sofremos o resultado de falha de caráter de outros, não aceitamos. Uma cortada que sofri no trânsito é inadmissível! Alguém levar os créditos pelo meu esforço é inaceitável! O quê, a esposa usou o cartão e não falou nada? É um abuso! Desta sociedade cheia de vícios surgem os políticos. Figuras que acham normal usar o que não é seu, ganhar credito de algo que não fez e omitir outros detalhes.

Joseph de Maistre disse: “Toda nação tem o governo que merece”. Para merecermos um governo melhor, nós precisamos melhorar. São pequenas atitudes, que tomadas ao longo de muito tempo, formarão uma sociedade mais ética. Não devemos pensar que apenas investir na educação seria o suficiente. Pois qual o interesse dos políticos terem uma sociedade mais culta? Nenhum.


Fabio R. Marques

Agrimensor, Projetista e Gamer. Do coração do Brasil para o mundo.
Saiba como escrever na obvious.
version 2/s/sociedade// @destaque, @obvious //Fabio R. Marques