muito além do óbvio

Sobre inquietudes, artes e algo mais...

Debora Delta

Atriz com um pé no cinema com um pé na escrita e com dois pés na vida.
Fã de Kubrick, Almodovar, Nelson Rodrigues e chocolate para adoçar tudo isso.
Apaixonada pelas inquietudes, pela mutação e por tudo que vai além do óbvio...

PORQUE AGORA VOCÊ ESCOLHE!

A vida é feita de escolhas. Sim ou não. Dentro ou fora. Partir ou ficar. Amadurecer ou murchar. Nós somos a soma das nossas escolhas. E muitas mudanças que queremos em nossas vidas só são possíveis a partir de novas atitudes, novos pontos de vista e novas escolhas. Algumas acontecem naturalmente, outras é necessário uma percepção um pouco maior e um conhecimento mais profundo sobre si mesmo. E você, já aprendeu a escolher ou ainda escolhem por você?


Xadrez-7-300x300.jpg Sim, algo diferente começa a acontecer, novos momentos, novas escolhas e novas atitudes. Não são apenas as mudanças corporais, o que é um fato, mas principalmente as comportamentais. Seu corpo já não tem a mesma disposição, mas a mente, em contrapartida, está muito mais disposta a compreender essas mudanças, a se aceitar e receber esse novo modo de encarar a vida!

Você escolhe trocar o bar ou a balada pelo encontro na casa dos amigos, você opta beber um único bom vinho ao invés de vários de qualidade inferior. Você prefere ficar sozinho em casa assistindo aquela série do que sair com alguém que não irá acrescentar algo realmente válido. A quantidade de amigos se reduz, mas consequentemente a qualidade aumenta, os poucos e essenciais permanecem e os que chegam têm valores imensamente compatíveis com os seus. Novas experiências também surgem, experiências que agregam e ressignificam.

O barulho dá lugar à tranquilidade e ao silêncio, dentro e fora. O que causava furor, hoje não levanta mais do que um fio de cabelo e para levantar mais do que isso, precisa ser extremamente verdadeiro; para arrepiar então, não precisa mais tirar do chão, mas sim, contribuir para manter o equilíbrio já conquistado. Os pequenos prazeres passam a ter uma grande importância e constância no seu cotidiano, as suas escolhas e gostos são priorizados.

obvious 01.jpg

A mente elege o que é relevante e o que não é pode até tentar te perturbar, mas a seleção já acontece naturalmente. Você escolhe não perder mais tempo com o que não é realmente importante, os seus devaneios e reflexões continuam sendo considerados, mas o drama, muitas vezes inserido, já não é mais necessário.

O que você aprendeu, o que viveu, o conhecimento intelectual e emocional passa a ser o bem mais precioso que você possui. Os investimentos em roupas, carro do ano e coisas supérfluas são trocados por viagens, passeios culturais e momentos que irão te acompanhar por muito mais tempo do que qualquer bem material.

No trabalho, a prioridade é fazer o que gosta, mas sendo corretamente remunerado. Os sonhos não se perdem, muito pelo contrário, são melhor reestruturados e trazidos para a realidade, exatamente para serem realizados e saírem do plano da imaginação. A opinião alheia sobre o seu trabalho, sua atitude ou a sua aparência já não desestabiliza como antes e a assimilação do que é construtivo ou não acontece muito mais rapidamente.

Sua alma se torna mais caridosa, mas ao mesmo tempo você aprende a distinguir quais são os seus fardos e qual é o peso do mundo. A paciência é uma virtude, entender que cada coisa tem o seu tempo e não o tempo que você exige é uma arte que começa a ser aprendida. As escolhas não se tornam mais fáceis, mas mais orgânicas e verdadeiras, sem dúvida!

obvious 02.jpg

Em alguns momentos saudosistas o passado é recordado, mas como uma boa memória e principalmente com o orgulho e gratidão por estar vivendo uma nova fase ainda melhor do que a anterior, uma semente que você mesmo plantou. Porque hoje você escolhe, não escolhem mais por você. Porque hoje você escolhe, não é mais o escolhido.


Debora Delta

Atriz com um pé no cinema com um pé na escrita e com dois pés na vida. Fã de Kubrick, Almodovar, Nelson Rodrigues e chocolate para adoçar tudo isso. Apaixonada pelas inquietudes, pela mutação e por tudo que vai além do óbvio... .
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// @obvious //Debora Delta