o infinito é logo ali...

Escrever é como sonhar desperta...

Thiana Furtado

Escritora por paixão, aventureira por conexão, e admiradora de tudo que nos remeta a uma possível felicidade...
Insisto em acreditar na bondade que habita dentro de cada pessoa.
Acompanhem-me em minha página:
(https://www.facebook.com/amantesfecundosdotempo/)

Como me tornei escritora

Escrever, escrever e escrever...
Eis um ofício que não cansa, eis um ofício que me enche de brandura e docilidade...


escrever.jpg

Escrevo porque gosto do que faço, escrevo porque esse ato me diz inteiramente sobre quem eu sou. Escrevo para iluminar meu ser, na totalidade que me faz branda, lúcida e leve. O iniciar de tudo, foi com a morte de meu querido pai.

Estava eu na sala de aula, nos meus tenros 16 anos, quando um poema nasce desmedidamente… Era algo assim: Quando uma lágrima fria desce pelo meu rosto quente…

A continuação não me recordo, mas essa frase me marcou, pois foi a partir desse dia que comecei a escrever… E dali por diante, nunca mais parei…

Costumo dizer que o poema nasce quando algo em nós começa a morrer, algo em nós, seguidamente falece, para logo após dar a luz a pensamentos que correm desenfreadamente soltos e sem medida exata de ser e de fazer-se existir. Creio que nós escritores, sentimos nas fibras aquecidas de nosso pulsar de alma, os versos que ainda estão por vir, para desaguarem na casa dos nossos sentimentos mais reais, que guardamos latentes em nós.

Quando comecei a escrever para algumas revistas eletrônicas, eu não tinha conhecimento da enorme gama de partículas imensas a contar da infinidade de escritores que estão espalhados pela web. São tantos, e muito mais do que isso, além de quantidade exacerbada, possuem qualidades inenarráveis, verifiquei que são eles muito talentosos.

Tenho recebido muitos "sins" e raríssimos não, aliás recebi apenas um não, que constatou-se pela editora que o meu estilo de escrita, não condizia com a página que eu intentei escrever. Fiquei é claro, chateada, mas a vida segue, e tenho certeza, que nos próximos anos, as propostas serão imensas, de acordo com o feeddback que eu tenho recebido, inclusive já recebi propostas…

A vida do escritor, nem sempre é um mar de rosas, precisamos nós, colocar no papel as ideias que ficam impressas nas telas de nosso pensamento, e precisamos fazer isso com certa urgência.

Foram tantas as vezes que eu já, com a luz apagada, tentando embarcar no sono, e repentinamente como um vulcão, sopraram-me ideias fantásticas, e eu rapidamente, pulei (e pulo) energicamente da cama, para emprestar ao papel temporariamente o que me veio naquele instante à mente. Digo temporariamente, porque no outro dia, ou em muito breve, as ideias fresquinhas, tomariam um novo e apressado rumo, iriam elas correr para as telas de meu notebook, fazendo brotar, um novo texto, que seria publicado em várias páginas, logo em seguida.

Primeiramente nasce o esboço, para logo em seguida surgirem as figuras emprestadas a ele, que nascem junto de ilustrações como figuras para dar-lhes vida.

11016503_839246692781158_1495333291_n.jpg

Tudo estando devidamente pronto, ou quase, para seguidamente vir a correção, onde tentaremos deixar o texto adequado para ser publicado, acredito que existam escritores mais hábeis do que eu, e que errem com menos frequência. Eu mesma, hoje erro muito menos do que como errava no início, o texto precisa passar por uma análise minuciosa de vírgulas corretas, de hifens e de crases, pois é sabido que com a nova ordem ortográfica, muita coisa mudou, de alguns anos para cá.

Mas é com imenso prazer que expresso, tudo que me corre oculto na alma, nenhuma ideia pode ser perdida ou passar despercebida, escrevo pelo prazer de escrever, mas escrevo sobretudo, porque abraço um dever com o coletivo.

Devo enfatizar que me inspiro em várias pessoas, mas digo que cada um traz junto de si, um universo de ideias e uma maneira muito peculiar de expressar-se e de emprestar ao mundo as suas verdades mais caras.

Como cantou um dia Renato Russo poeticamente, dizendo então assim: “Luz e sentido, e palavras, palavras...”

Essa estrofe está gravada até hoje em minha mente, pois ela me toca profundamente...

Seguimos todos, na busca de verdades sublimes, que irão emprestar aos olhos aguçados do hemisfério, um pouco do que nos vai por dentro, fazendo brotar sonhos em almas muitas vezes cansadas e esmagadas pelo cotidiano, mas que precisam desesperadamente sonhar e acreditar que um novo mundo poderá nascer, como uma busca de almas muitas vezes inquietas, mas que acreditam que absolutamente tudo pode acontecer, basta que tenhamos fé e certeza de que as nossas verdades não mais nos pertencerão, que elas pertencem agora ao leitor, que enxergará com a sua maneira peculiar, aquilo que cuidadosamente os fizemos sentir em nossos momentos mais introspectivos.

É meu desejo que brotem sempre na casa do cosmos, escritores que farão com que as suas verdades venham acompanhadas de doses salutares de muitos sonhos reais, e que tudo aquilo que acreditem, possam refletir desmedidamente e com muita verdade, na alma de todo aquele que esteja disposto a deixar-se embalar por novas maneiras de poder ver a vida.

Desejo que essa vida seja a esperança que nos fará acreditar que absolutamente tudo é possível para aquele que acredita na força voraz que moverá montanhas na direção de velas ajustadas. Que os nossos sonhos sejam a morada que os permitirá analisar tudo com perspicácia, os fazendo sentir que todos podemos viajar sem termos que gastar enormes quantias com isso.

Que as verdadeiras alegrias sempre brotarão das coisas mais simples, e que o verdadeiro açúcar da vida, será o mel que adoçará na medida certa e não aquele que nos levará ao hospital um dia, e que a medida exata dos temperos, seja o que nos tornará saudáveis e satisfeitos com a nossa refeição mais acertada, apreciada e saboreada. Vida longa a todos, é o que desejo a quem sabe fazer dessa vida palco de grandes espetáculos, vivos e inebriantes como lindos pores de sol...


Thiana Furtado

Escritora por paixão, aventureira por conexão, e admiradora de tudo que nos remeta a uma possível felicidade... Insisto em acreditar na bondade que habita dentro de cada pessoa. Acompanhem-me em minha página: (https://www.facebook.com/amantesfecundosdotempo/).
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// @obvious, @obvioushp //Thiana Furtado