o segredo da pausa

O que existe no silêncio dos intervalos?

JULIANA VALENTIM

Nós moramos mesmo é nas entrelinhas, no silêncio dos intervalos. Somos feitos de uma voz que grita e uma voz que cala. Como música! A magia não está no que se ouve, mas no exato instante da pausa

Quando eu ganhar na loteria

Muitos dizem que é preciso viver o presente, apenas o presente. Mas será que não existe um lado bom em esperar por alguma coisa? É a possibilidade da vida nos surpreender que nos move adiante.


youth-570881_1920.jpg

No fundo, estamos sempre esperando que algo mágico aconteça em nossas vidas. Até mesmo aqueles que tem os pés firmemente cravados no chão e não se permitem muitos devaneios, até esses, uma hora ou outra, esperam por aquele momento que mudará tudo para melhor.

Talvez seja por isso que as pessoas jogam na loteria. Imagine que na mega-sena da virada deste ano, foram mais de 348 milhões de apostas em todo país. Quanta gente esperando aquele momento mágico de conferir os números e descobrir que... não ganhou! Sim, porque a chance de ganhar é 1 em 50 milhões. Provavelmente você não vai ganhar mas, mesmo assim, vale fazer aquele joguinho. Ah, não custa nada. Quer dizer, custa, mas vale pagar para sonhar, não vale? Vale pagar para imaginar: ah, se eu ganhar...

É a possibilidade da vida nos surpreender que nos move adiante. Claro, essa surpresa pode ser para melhor ou para pior, mas como otimistas que somos, acreditamos no melhor. Acreditamos que o telefone pode tocar, nesse exato instante, e ser uma promoção no trabalho que irá dobrar nosso salário. Ou que o moço da floricultura pode entrar por aquela porta trazendo um buquê lindíssimo, sem data comemorativa aparente. Acreditamos que alguém pode descobrir nosso talento, seja qual for, e nos ajudar a viver dele. Quem sabe, a vida é tão cheia de mistérios.

São esses mistérios, emaranhados mágicos de supostos acasos, que nos fascinam. Há quem diga que é preciso viver o presente, apenas o presente. Mas será que não existe um lado bom em esperar por alguma coisa? É isso que faz o ser humano trabalhar. O talento precisa estar lapidado para quando for descoberto. O profissional precisa estar qualificado para quando receber aquela ligação. A pessoa precisa ter um coração bacana para merecer flores em um dia qualquer. O acaso precisa de uma forcinha para fazer a revolução (do bem) que queremos.

E se nada mágico acontecer? Ah, se nada mágico acontecer, a gente segue acreditando. Tirar os pés do chão, vez por outra, faz parte da natureza humana. Não dizem que uma pitada de loucura é o que nos mantém sãos? A vida é cheia de "quem sabe".

Eu, por minha vez, vou ficando por aqui. Enquanto Luís Fernando Veríssimo não me descobre como escritora, vou ali fazer uma fezinha. Se amanhã eu não voltar, é porque ganhei.

Ei, não precisa disfarçar! Eu sei que você também jogou na mega da virada...


JULIANA VALENTIM

Nós moramos mesmo é nas entrelinhas, no silêncio dos intervalos. Somos feitos de uma voz que grita e uma voz que cala. Como música! A magia não está no que se ouve, mas no exato instante da pausa.
Saiba como escrever na obvious.
version 1/s/recortes// @obvious //JULIANA VALENTIM